Aula Pública Opera Mundi - EUA serão ditadores da Internet?

"Se Dilma deseja o mínimo de segurança, ela não pode utilizar Windows no computador", diz Sérgio Amadeu sobre espionagem

Opera Mundi TV e TV Unesp lançam o terceiro programa da série "Aula Pública". Na edição desta quinta-feira (21/11), Sérgio Amadeu, professor da Universidade Federal do ABC (UFABC) e especialista em tecnologia da informação, responde: "Os EUA serão os ditadores da internet?"

Assista também às Aulas Públicas de Breno Altman e Leonam Guimarães

"Após manobra de espionagem, a empresa norte-americana que venceu uma licitação para controles de radares da Amazônia entregou equipamentos com o código fonte fechado. Ou seja, isso nos leva a crer que o controle de voo da Amazônia tem duas sedes: Brasília e Washington", afirma. Sobre espionagem, Amadeu crava: "Se Dilma deseja o mínimo de segurança, não pode utilizar Windows no computador dela".

Assista ao primeiro bloco:

No segundo bloco, Sérgio Amadeu responde pergunta do correspondente Sandro Fernandes, em Moscou, na Rússia:

No terceiro bloco, Amadeu responde perguntas do público da PUC-SP:

EUA espionaram conversas telefônicas de 35 líderes mundiais, diz documento

Diretor da NSA nega que tenha acessado dados de Yahoo! e Google

Alemanha pede explicações sobre possível espionagem a embaixador britânico

 

Leia Mais



Uma vez que você chegou até aqui...


…temos algo a sugerir. Cada vez mais gente lê Opera Mundi, mas a publicidade dos governos, com o golpe, foi praticamente zerada para a imprensa crítica, e a publicidade privada não tem sido igualmente fácil de conseguir, apesar de nossa audiência e credibilidade. Ao contrário dos sites da mídia hegemônica, nós não estamos usando barreiras que limitam a quantidade de matérias que podem ser lidas gratuitamente por mês. Queremos manter o jornalismo acessível a todos. Produzir um jornalismo crítico e independente custa caro e dá trabalho. Mas nós acreditamos que o esforço vale a pena, pois um jornalismo desse tipo é essencial num mundo que preza a democracia. E temos certeza de que você concorda com isso.


Torne-se um assinante solidário ou faça uma contribuição única.




(Este anúncio é diretamente inspirado numa solicitação feita pelo jornal britânico ‘The Guardian’. A imprensa independente de todo o mundo está buscando nesse tipo de apoio uma forma de existir e persistir.)


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Outras Notícias

PUBLICIDADE
X

Assine e receba as últimas notícias

O melhor da imprensa independente

PUBLICIDADE

Diálogos do Sul

PUBLICIDADE

Últimas notícias

Mais Lidas