Israel bombardeia alvos militares em Gaza após lançamento de foguete

'Em resposta ao projétil que caiu sobre uma área despovoada no Conselho Regional de Hof Ashkelon, aviões da Força Aérea atacaram dois postos do Hamas no norte da Faixa de Gaza', diz exército israelense

A Força Aérea de Israel bombardeou na madrugada desta quarta-feira (09/08) vários pontos da Faixa de Gaza, ferindo duas pessoas, em resposta ao lançamento de um foguete do território palestino na noite de terça (08/08), informaram fontes de segurança palestinas e israelenses. Ao menos dois civis ficaram feridos e foram levados a um hospital.


Clique e faça agora uma assinatura solidária de Opera Mundi

O exército israelense confirmou o ataque em comunicado. "Em resposta ao projétil que caiu sobre uma área despovoada no Conselho Regional de Hof Ashkelon, aviões da Força Aérea atacaram dois postos do Hamas no norte da Faixa de Gaza", diz a nota.

Pouco depois das 21h locais de terça-feira (15h de Brasília), um foguete lançado do território palestino caiu em Israel, mas sem causar danos e feridos. Os disparos de foguetes da Faixa de Gaza, que está submetida a um bloqueio por parte de Israel desde que o Hamas assumiu seu controle em 2007, são registrados de forma intermitente.

Herdeiro da Samsung é condenado na Coreia do Sul a 5 anos de prisão por corrupção

Ciclone provoca escassez de baunilha e abre crise em sorveterias pelo mundo

Pentágono terá 6 meses para colocar em prática veto a pessoas transgênero nas Forças Armadas dos EUA

 

Desde o fim do último grande conflito bélico entre Israel e os grupos armados de Gaza, em agosto de 2014, ambas as partes mantêm uma trégua que está sendo respeitada, com lançamentos ocasionais de foguetes.

A autoria deles não é reivindicada pelo Hamas, e esses lançamentos costumam ser respondidos com bombardeios israelenses contra alvos militares do movimento palestino.

Israel responsabiliza o Hamas por qualquer agressão contra o seu território procedente de Gaza, pois o grupo islamita é quem governa o território na prática. 

Agência Efe

Na semana passada, houve enfrentamentos entre manifestantes e soldados em Gaza; Israel bombardeou alvos na faixa

Leia Mais

PUBLICIDADE
PUBLICIDADE

Outras Notícias

PUBLICIDADE
X

Assine e receba as últimas notícias

Destaques

Publicidade

A XV Semana de Relações Internacionais da PUC-SP se propõe a debater diversos temas de suma importância no mundo global, diverso, construído por múltiplas interseccionalidades e difíceis obstáculos que emergem em tempos nebulosos, incertos e de repressão e transgressão. Assim, o Centro Acadêmico de Relações Internacionais da PUC-SP convida todos a participarem de uma semana repleta de debates, circunscrevendo: a Segurança Pública e Internacional; aos desafios da migração num mundo de muros e fronteiras; aos direitos em oposição com a determinação neoliberal; aos discursos de resistência e política do Sul outrora colonizado; a inserção internacional brasileira pela política externa e comercial; aos desafios da saúde num mundo global e capitalista. Mini-cursos sobre desenvolvimento da África e narrativas alternativas ao desenvolvimento progressivista na América Latina e um workshop com a Professora Dra. Mônica Hirst serão oferecidos
Leia Mais

O melhor da imprensa independente

PUBLICIDADE

A revista virtual
desnorteada

Mais Lidas

Últimas notícias