Alejandro Guillier reconhece derrota no segundo turno do Chile

Candidato conversou com o presidente eleito, Sebastián Piñera, para parabenizá-lo pela vitória com mais de 50% dos votos

Esteja sempre bem informado
Receba todos os dias as principais notícias de Opera Mundi

Receba informações de Opera Mundi

O candidato da coalizão Nova Força da Maioria, Alejandro Guillier, reconheceu a derrota ante o ex-presidente Sebastián Piñera, que foi eleito no segundo turno realizado neste domingo (17/12).


Clique e faça agora uma assinatura solidária de Opera Mundi

“Quero parabenizar a meu competidor Sebastián Piñera, o novo presidente da República, a quem chamei para felicitar por seu impecável e já maciço triunfo”, disse, na sede de sua campanha.

Além disso, assegurou que, apesar da derrota, “nos comprometemos a seguir trabalhando pelo Chile que queremos. É uma derrota eleitoral, mas não uma derrota política”.

Seremos oposição com Piñera ou Guillier, diz ex-candidata da Frente Ampla no Chile

Oito perguntas e respostas para entender as eleições no Chile

Ex-presidente Sebastián Piñera vence segundo turno e volta ao cargo no Chile

 

Reprodução

Guillier reconheceu a derrota no Chile

Por outro lado, felicitou a seus seguidores e os convidou a “aprender a lição, a estudar os resultados do voto cidadão e a reconstruir uma opção democrática, uma opção solidária, uma opção para o Chile”.

“Temos que ser autocríticos. Sofremos uma derrota dura. Temos que levantar nosso ânimo e sair a defender as reformas que acreditamos”, afirmou.

“Foi uma jornada eleitoral impecável e confirma o que já sabemos, o Chile goza de uma democracia sólida e um sistema eleitoral reconhecido no mundo inteiro e que nos dá garantias”, disse.

Outras Notícias

X

Assine e receba as últimas notícias

Receba informações de Opera Mundi

Destaques

Publicidade

Faça uma pós agora!

Faça uma pós agora!

A leitura literária é um fator importante na construção de relações humanas mais justas. Do mesmo modo, a formação de leitores críticos é imprescindível para a constituição de uma sociedade democrática.

Por isso, torna-se cada vez mais urgente a abertura de novos e arejados espaços de interlocução qualificada entre os sujeitos que atuam nesse processo, em diversos contextos sociais.

A proposta do curso é proporcionar, por meio de discussões abrangentes e aprofundadas sobre a formação do leitor literário, uma reflexão ancorada principalmente em três áreas do conhecimento: a teoria literária, a mediação da leitura e a crítica especializada.

Leia Mais

A revista virtual
desnorteada

O melhor da imprensa independente

Mais Lidas

Últimas notícias

Os supersalários das Forças Armadas

Nossa reportagem levantou todos os salários de militares e encontrou centenas acima do teto, indenizações de mais de R$ 100 mil e valores milionários pagos no exterior