Arqueólogos descobrem mosaico de 1.800 anos em Israel

Deutsche Welle
Peça colorida retrata três homens usando togas e traz inscrição em grego; obra foi encontrada na cidade portuária de Cesareia, durante a escavação de uma construção do período bizantino cerca de 300 anos mais nova

Esteja sempre bem informado
Receba todos os dias as principais notícias de Opera Mundi

Receba informações de Opera Mundi

Arqueólogos israelenses anunciaram nesta quinta-feira (08/02) a descoberta de um mosaico romano de 1.800 anos na cidade portuária de Cesareia, no litoral mediterrâneo de Israel. A obra foi achada durante a escavação de uma construção do período bizantino cerca de 300 anos mais nova.


Clique e faça agora uma assinatura solidária de Opera Mundi

"A surpresa foi que encontramos dois lindos monumentos dos dias gloriosos de Cesareia", afirmou Peter Gendelman, codiretor da escavação, em referência ao mosaico e à construção bizantina. Os trabalhos foram coordenados pela Autoridade de Antiguidades de Israel.

Com 3,5 metros de largura e 8 metros de altura, o mosaico colorido, que fazia parte do piso do edifício, retrata três homens usando togas, dois deles em perfil e o terceiro de frente. A obra possui ainda uma inscrição em grego, que está danificada.

Reprodução

Peça colorida retrata três homens usando togas e traz inscrição em grego

Arqueólogos encontram artigos gregos de 2.700 anos em sítio arqueológico na Itália

Arqueóloga brasileira participa de missão resgate de tesouros milenares no Afeganistão

Maior caverna submersa do mundo é descoberta no México

 

Se a construção em que ele foi descoberto foi um dia uma habitação, os arqueólogos supõem que o desenho represente os moradores do local. Mas se foi um espaço público, os homens poderiam ser os doadores do mosaico ou membros do governo municipal, afirmam os especialistas.

"Nunca havíamos encontrado um mosaico desta qualidade em Israel. Obras semelhantes foram descobertas somente no Chipre e no norte da Síria", explicou Uzi Ad, que também é codiretor da escavação.

Batizada em homenagem ao imperador Augusto César, Cesareia foi fundada há cerca de 2.030 anos pelo rei Herodes, que governou a antiga Judeia entre os anos 37 e 4 antes de Cristo. A cidade foi uma importante localidade durante o período romano e a época das Cruzadas.

Outras Notícias

X

Assine e receba as últimas notícias

Receba informações de Opera Mundi

Destaques

Publicidade

Faça uma pós agora!

Faça uma pós agora!

A leitura literária é um fator importante na construção de relações humanas mais justas. Do mesmo modo, a formação de leitores críticos é imprescindível para a constituição de uma sociedade democrática.

Por isso, torna-se cada vez mais urgente a abertura de novos e arejados espaços de interlocução qualificada entre os sujeitos que atuam nesse processo, em diversos contextos sociais.

A proposta do curso é proporcionar, por meio de discussões abrangentes e aprofundadas sobre a formação do leitor literário, uma reflexão ancorada principalmente em três áreas do conhecimento: a teoria literária, a mediação da leitura e a crítica especializada.

Leia Mais

A revista virtual
desnorteada

O melhor da imprensa independente

Mais Lidas

Últimas notícias

Os supersalários das Forças Armadas

Nossa reportagem levantou todos os salários de militares e encontrou centenas acima do teto, indenizações de mais de R$ 100 mil e valores milionários pagos no exterior