Estudantes marcham na Florida contra posse de arma nos EUA

Movimento #NeverAgain tenta evitar novos massacres; jovens pretendem se reunir com representantes políticos

Esteja sempre bem informado
Receba todos os dias as principais notícias de Opera Mundi

Receba informações de Opera Mundi

Centenas de estudantes da escola de Parkland, na Florida, alvo de um massacre na semana passada, saíram às ruas nesta quarta-feira (21/02) para marchar por um controle de armas mais rígido nos Estados Unidos.


Clique e faça agora uma assinatura solidária de Opera Mundi

Os estudantes viajaram ontem, por sete horas em ônibus, de Parkaland à capital do estado, Tallahassee, para participar do protesto, que tenta exigir das autoridades leis mais sólidas para a posse de arma de fogo.

Os jovens devem se reunir com representantes políticos, apesar da Assembleia Legislativa da Florida, de maioria republicana, ter votado ontem por 71 a 36 contra uma moção que proibiria armas de assalto e carregadores de alta capacidade.

Reprodução/Twitter

Estudantes viajaram ontem, por sete horas em ônibus, de Parkaland à capital do estado, Tallahassee, para participar do protesto

Sobreviventes de massacre lideram campanha antiarmas nos EUA

EUA: Trump apoia projeto para investigar melhor comprador de armas

Estudantes marcham na Florida contra posse de arma nos EUA

 

Na semana passada, 17 pessoas morreram na escola Marjory Stoneman Douglas, em Parkland, quando o ex-aluno Nikolas Cruz, de 19 anos, abriu fogo contra os estudantes. O massacre incentivou a criação do movimento #NeverAgain, promovido por sobreviventes e familiares, para um controle maior de arma.

Em um gesto inédito, o presidente dos Estados Unidos, o republicano Donald Trump, sinalizou nesta semana a possibilidade de apoiar um projeto de lei bipartidário no Congresso para endurecer a legislação ou proibir um dispositivo letal conhecido como "bump stocks", usado para modificar armas.

Outras Notícias

X

Assine e receba as últimas notícias

Receba informações de Opera Mundi

Destaques

Publicidade

Faça uma pós agora!

Faça uma pós agora!

A leitura literária é um fator importante na construção de relações humanas mais justas. Do mesmo modo, a formação de leitores críticos é imprescindível para a constituição de uma sociedade democrática.

Por isso, torna-se cada vez mais urgente a abertura de novos e arejados espaços de interlocução qualificada entre os sujeitos que atuam nesse processo, em diversos contextos sociais.

A proposta do curso é proporcionar, por meio de discussões abrangentes e aprofundadas sobre a formação do leitor literário, uma reflexão ancorada principalmente em três áreas do conhecimento: a teoria literária, a mediação da leitura e a crítica especializada.

Leia Mais

A revista virtual
desnorteada

O melhor da imprensa independente

Mais Lidas

Últimas notícias

Mulheres começam a dirigir na Arábia Saudita

Abertura é reflexo de uma mobilização de quase três décadas em defesa dos direitos das mulheres sauditas; as primeiras campanhas pelo direito a dirigir ocorreram nos anos 1990