Embaixador da Rússia nos EUA afirma que 'haverá consequências' para ataque contra a Síria

Para Anatoly Antonov, bombardeio é ‘inadmissível’ e um insulto a Putin; EUA, França e Reino Unido lançaram ataques conjuntos contra a Síria

Esteja sempre bem informado
Receba todos os dias as principais notícias de Opera Mundi

Receba informações de Opera Mundi

O embaixador da Rússia nos Estados Unidos, Anatoly Antonov, divulgou um comunicado na madrugada deste sábado (14/04) afirmando que “haverá consequências” aos ataques em conjunto lançados pelos EUA, Reino Unido e França contra a Síria.


Clique e faça agora uma assinatura solidária de Opera Mundi

“Nós alertamos que tais ações não ficarão sem consequências. Toda a responsabilidade por elas reside em Washington, Londres e Paris”, afirma o comunicado. A nota diz também que “insultar o presidente da Rússia [Vladimir Putin] é inaceitável e inadmissível”.

“Os Estados Unidos, que possuem o maior arsenal de armas químicas, não têm o direito moral de culpar outros países”, afirmou o diplomata. No comunicado, Antonov ainda ressalta que os avisos de Moscou foram “ignorados” e que a Rússia está sendo “ameaçada”.

Wikimedia Commons

Para Anatoly Antonov, bombardeio é "inadmissível" e um insulto a Putin

Polícia entra na Sorbonne para retirar estudantes que ocupavam o local

Na ONU, Síria promete resposta a eventual ataque de Estados Unidos, Grã-Bretanha ou França

Estados Unidos, Reino Unido e França atacam Síria

 

“Um enredo pré-armado está sendo implementado. Novamente, estamos sendo ameaçados. Alertamos que tais ações não serão deixadas sem consequências”, diz a nota da embaixada da Rússia nos EUA.

Moscou

O governo russo também negou nesta sexta-feira que o ataque químico tenha acontecido. Durante briefing à imprensa em Moscou, o chefe do Ministério das Relações Exteriores do país afirmou que possui “dados irrefutáveis de que o ataque foi mais uma encenação e que nesta encenação se envolveram serviços secretos de um país que hoje em dia se esforça para estar nas primeiras fileiras da campanha russofóbica”.

EUA, França e Reino Unido lançaram ataques contra a Síria na noite desta sexta-feira (13/04) em resposta ao suposto uso de armas químicas em um bombardeio que ocorreu no último sábado (07/04), na cidade de Duma. A Síria nega o uso de armas químicas, que são proibidas por convenções da ONU.

Outras Notícias

X

Assine e receba as últimas notícias

Receba informações de Opera Mundi

Destaques

Publicidade

A música nos livros

A música nos livros

Música clássica, música popular, música engajada, música e política, música num romance policial. Se você gosta de música, não pode deixar de conhecer esses 20 títulos da editora Alameda. Clique aqui e confira. O frete é grátis.

Leia Mais

A revista virtual
desnorteada

O melhor da imprensa independente

Mais Lidas

Últimas notícias