Partido Trabalhista conquista 74 das 150 assembleias em eleições locais no Reino Unido

Partido garantiu controle de 74 das 150 assembleias; eurocêntrico Ukip, em baixa desde o Brexit, foi o grande derrotado, conquistando apenas três conselheiros locais

Esteja sempre bem informado
Receba todos os dias as principais notícias de Opera Mundi

Receba informações de Opera Mundi

As eleições locais no Reino Unido, cuja apuração terminou nesta sexta-feira (04/05), tiveram uma ligeira vitória do Partido Trabalhista, que garantiu o controle de 74 das 150 assembleias que estavam em jogo, com 2,3 mil representantes eleitos.


Clique e faça agora uma assinatura solidária de Opera Mundi

Já o Partido Conservador, da primeira-ministra Theresa May, ficou com 46 dos 49 conselhos que tinha antes do pleito, elegendo 1,3 mil membros. Por sua vez, o Liberal Democratas (Lib Dem) conquistou oito.

O grande derrotado foi o eurocético Partido pela Independência do Reino Unido (Ukip), que segue em derrocada desde o plebiscito do "Brexit" e elegeu apenas três conselheiros locais. O mapa do voto também mostra uma divisão entre áreas urbanas, majoritariamente trabalhistas, e zonas rurais, dominadas pelos conservadores.

Wikimedia Commons

Líder do Partido Trabalhista, Jeremy Corbyn, comemorou o bom desempenho eleitoral 

Candidato de centro-esquerda pede recontagem em eleição presidencial do Paraguai

Casa Branca confirma visita de Trump ao Reino Unido

M5S quer apoio de Salvini para convocar novas eleições

 

Ao todo, 150 círculos eleitorais foram às urnas, incluindo os 32 distritos de Londres e conselhos locais de algumas das principais cidades do país, como Manchester, Leeds e Newcastle.

A premier May, que conseguiu minimizar os danos e avançar em áreas eurocéticas, afirmou que os trabalhistas "fracassaram". Já o líder do Partido Trabalhista, Jeremy Corbyn, comemorou o bom desempenho eleitoral e o controle de 21 dos 32 distritos de Londres. 

Outras Notícias

X

Assine e receba as últimas notícias

Receba informações de Opera Mundi

Destaques

Publicidade

Faça uma pós agora!

Faça uma pós agora!

A leitura literária é um fator importante na construção de relações humanas mais justas. Do mesmo modo, a formação de leitores críticos é imprescindível para a constituição de uma sociedade democrática.

Por isso, torna-se cada vez mais urgente a abertura de novos e arejados espaços de interlocução qualificada entre os sujeitos que atuam nesse processo, em diversos contextos sociais.

A proposta do curso é proporcionar, por meio de discussões abrangentes e aprofundadas sobre a formação do leitor literário, uma reflexão ancorada principalmente em três áreas do conhecimento: a teoria literária, a mediação da leitura e a crítica especializada.

Leia Mais

A revista virtual
desnorteada

O melhor da imprensa independente

Mais Lidas

Últimas notícias

Espanha debate exumação dos restos mortais de Franco

Mausoléu do ex-ditador integra monumento para homenagear mortos da Guerra Civil e virou destino de peregrinação de extremistas de direita; governo quer transformar memorial num local de reconciliação nacional