'Podem prender o corpo de Lula, mas nunca sua mente e coração', diz Mujica ao visitar ex-presidente

Ex-mandatário uruguaio visitou nesta quinta-feira, em Curitiba, o ex-presidente brasileiro, preso desde 7 de abril; 'temos que ter uma causa para viver', afirmou

Esteja sempre bem informado
Receba todos os dias as principais notícias de Opera Mundi

Receba informações de Opera Mundi

O ex-presidente do Uruguai José Pepe Mujica esteve na tarde de hoje (21) em Curitiba para visitar o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. "Vim aqui para dar um abraço em um velho amigo de luta", disse o senador, ao chegar à sede da Polícia Federal, antes do encontro. Lula está preso na PF da capital paranaense desde 7 de abril.


Clique e faça agora uma assinatura solidária de Opera Mundi

"Há quem peça Lula livre. Na realidade, a cabeça de Lula nunca poderá ser presa. Podem prender seu corpo, mas nunca seu coração. Sua cabeça e seu coração andarão pelos confins do Brasil, sobretudo, pelo Brasil mais pobre. Por isso, Lula já está livre", disse Mujica. 

O ex-presidente do Uruguai ficou preso por 14 anos, metade desse período em uma solitária. Afirma ter saído da prisão sem ódio nem rancor. Mujica fez um mandato com larga aprovação em seu país e sempre atuou em defesa das causas sociais e de uma América Latina forte, igualitária e integrada.

"Pepe Mujica irá visitar Lula esta tarde. O ex-presidente do Uruguai ficou preso por 14 anos, sete dos quais em uma solitária. Saiu da prisão sem ódio nem rancor e foi um grande presidente. Nossa luta não termina amanhã nem na próxima geração. Não se lamentem, companheiros. Temos que ter uma causa para viver e não viver apenas porque nascemos. Lula são todos os que tem problemas na imensidão da América Latina. Não se esqueçam", completou o líder uruguaio.

Após a visita, Mujica concedeu uma breve coletiva aos jornalistas presentes. "A visita foi muito cordial. Fazia tempo que não nos víamos. Quando Lula foi país desse país gigantesco, teve uma atitude de muita consideração e respeito pelos países pequenos da América Latina. Brasil, com Lula, sempre se comportou como uma espécie de irmão maior. Reconheceremos sempre. Essa é uma das razões que reafirmam nossa amizade", disse.

O uruguaio disse que Lula está com "um bom temperamento e lendo muitos livros. Ele está preocupado, como não poderia ser diferente, com o destino do Brasil e de nossa América Latina".

Mujica disse estar preocupado com o destino do continente. "O que mais me preocupa é que o povo brasileiro possa decidir seu futuro, superar suas contradições sem perder sua alegria. São meus sentimentos. Um pequeno país que tem ao lado os gigantes Brasil e Argentina. Quando algum vizinho passa por problemas, reverbera no Uruguai."

"Desejo que o Brasil possa superar seus problemas. Porque se o Brasil anda mal, também andamos mal. Mesmo tendo nascido no Uruguai, minha pátria se chama América Latina. O mundo de hoje exige que os latino-americanos tenham uma atitude grande. Somos 10% da economia do mundo", completou.

Novo premiê da Espanha se encontrou com Dilma em abril e se mostrou 'preocupado' com Brasil

Lula: 'estão fazendo injustiça comigo e com o povo brasileiro'

Momento atual lembra volta de Getúlio Vargas ao poder em 1950, diz Lula em carta para o Salão do Livro Político

 

Gibran Mendes

Mujica foi visitar Lula na prisão, em Curitiba

(*) Publicado em Rede Brasil Atual

Outras Notícias

X

Assine e receba as últimas notícias

Receba informações de Opera Mundi

Destaques

Publicidade

Faça uma pós agora!

Faça uma pós agora!

A leitura literária é um fator importante na construção de relações humanas mais justas. Do mesmo modo, a formação de leitores críticos é imprescindível para a constituição de uma sociedade democrática.

Por isso, torna-se cada vez mais urgente a abertura de novos e arejados espaços de interlocução qualificada entre os sujeitos que atuam nesse processo, em diversos contextos sociais.

A proposta do curso é proporcionar, por meio de discussões abrangentes e aprofundadas sobre a formação do leitor literário, uma reflexão ancorada principalmente em três áreas do conhecimento: a teoria literária, a mediação da leitura e a crítica especializada.

Leia Mais

A revista virtual
desnorteada

O melhor da imprensa independente

Mais Lidas

Últimas notícias

Os supersalários das Forças Armadas

Nossa reportagem levantou todos os salários de militares e encontrou centenas acima do teto, indenizações de mais de R$ 100 mil e valores milionários pagos no exterior