Hoje na História: 1922 - BBC realiza sua primeira transmissão radiofônica na Inglaterra

Após passar para o poder público, rede obteve reconhecimento e tornou-se elemento da vida cotidiana dos britânicos

Atualizada em 14/11/2017 às 09h30


Clique e faça agora uma assinatura solidária de Opera Mundi

Wikicommons

Atual sede da BBC, localizada na zona oeste de Londres

A ainda privada BBC (British Broadcasting Corporation) foi a primeira organização de emissão radiofônica do mundo. Foi fundada em 18 de outubro de 1922 como British Broadcasting Company Ltd. pelos Correios Britânicos e um grupo de seis companhias de telecomunicações a fim de difundir serviços experimentais de rádio. A primeira transmissão ocorreu em 14 de novembro de 1922 da estação 2LO, localizada na Marconi House, Londres.

Sua primeira sede estava localizada no segundo andar da Magnet House, Londres, e consistia numa sala e numa pequena ante-sala. Em 31 de dezembro de 1926, a companhia foi dissolvida e seus ativos para a British Broadcasting Corporation, emissora não-comercial autorizada pela coroa.

Em 1923 o Comitê Sykes rejeitou a inserção de propaganda e recomendou que fundos públicos sustentassem a emissora. A fim de evitar a competição com os jornais impressos, a Fleet Street – rua onde se concentram as sedes dos principais jornais em Londres – persuadiu o governo a proibir programas de noticiário até as 19h e que a BBC só poderia valer-se das notícias publicadas mas não produzir suas próprias reportagens. Em 1925 a BBC já alcançava cerca de 80% dos ouvintes britânicos por meio de uma rede de estações regionais e de retransmissão. Enquanto as estações regionais ofereciam a princípio muitos programas de interesse local, já em 1930 a programação nacional emitida de Londres substituía a das rádios locais.

Os Correios manifestaram-se relutantes em cobrar taxas de licença dos rádio-ouvintes provocando perdas financeiras para a BBC, o que preocupava os fabricantes de aparelhos de rádio. Em 1925, Reith persuadiu outro comitê, o Crawford, a recomendar uma nova entidade, independente tanto do governo quanto das corporações, para administrar a emissora. Uma greve geral em 1926 interrompeu a publicação de jornais, o que suspendeu temporariamente a proibição  de transmissão de reportagens e noticiário próprios.

O fato de a emissora ter ouvido, durante a greve, tanto o governo quanto as lideranças sindicais, impressionou vivamente milhões de ouvintes. No final de 1926 o governo aceitou as recomendações do Comitê Crawford.

Como representação de seus objetivos e para firmar valores, a BBC adotou um brasão com o lema "Nation shall speak peace unto Nation” – especula-se que é uma feliz adaptação de Miqueias 4.3 da Bíblia Sagrada: “Nenhuma nação erguerá a espada contra a outra”.
 

Foto:

Conheça as formas de apoiar Opera Mundi

Imprensa internacional diz que condenação de Lula vem em meio a favoritismo para 2018; veja repercussão

Lula faz 'defesa enérgica' após condenação por Moro, diz The Guardian; veja repercussão

 


As emissões experimentais de televisão começaram em 1932, utilizando um sistema eletromecânico desenvolvido por John Baird. Limitadas emissões regulares usando esse sistema começaram em 1934. Dois anos depois, a rede adota o sistema eletrônico.

Mais recentemente, em 18 de outubro de 2007, o diretor-geral da BBC, Mark Thompson, anunciou um controverso plano de grandes cortes e de redução do tamanho da BBC como organização. Os planos incluíam a redução de 2.500 postos, a suspensão de novas operações, reduzindo em 10% a programação e colocando à venda o principal edifício do Centro de Televisão em Londres, o que a deixou em pé de guerra com os sindicatos.

Em 20 de outubro de 2010, o ministro da Fazenda britânico George Osborne anunciou que a taxa de licença de televisão seria congelada em seu nível atual até o fim do presente decreto em 2016. O mesmo anúncio revelou que a BBC assumiria o custo total da BBC World Services e da BBC Monitoring e participaria de parte dos custos da S4C, emissora do País de Gales.

Cortes adicionais foram anunciados em 6 de outubro de 2011 com o objetivo de alcançar a taxa de 20% de redução no orçamento: outras duas mil demissões, mudanças na BBC 3 até 2016, intercâmbio de mais programas entre as estações e canais, partilha de boletim de notícias das rádios, mais repetições na grade de programação e alguma redução na programação original. Também o canal BBC HD seria fechado e substituído por uma transmissão simultânea em HD pela BBC 2. Todavia, programas centrais e consagrados seriam mantidos. Numerosas propriedades seriam vendidas inclusive o New Broadcasting House na Oxford Road em Manchester.

Nos dias correntes, sérias questões de ética jornalística envolvendo a direção da BBC, incluindo denúncias de abusos sexuais de menores por um de seus antigos apresentadores,  vieram à tona com desdobramentos ainda imprevisíveis.

Outras Notícias

X

Assine e receba as últimas notícias

Receba informações de Opera Mundi

Destaques

Publicidade

Escravidão e Liberdade

Escravidão e Liberdade

A editora Alameda traz uma seleção especial de livros escravidão, abolição do trabalho escravo e sobre cultura negra. Conheça o trabalho de pesquisadores que se dedicaram profundamente a esses temas, centrais para o debate da questão racial e da história do Brasil. 

Leia Mais

A revista virtual
desnorteada

O melhor da imprensa independente

Mais Lidas

Últimas notícias

Irlandeses votam a favor da legalização do aborto

Maioria significativa respondeu com 'sim' em referendo sobre reforma da atual legislação do aborto na Irlanda, uma das mais restritivas da Europa; autoridades governamentais saúdam vitória da democracia em dia histórico

 

Philip Roth: um escritor aberto ao outro

Aos poucos, a geração de escritores que me formou e que foi decisiva na minha opção por estudar a literatura contemporânea vai terminando; e eu vou ficando cada vez menos contemporâneo