Martín Almáda

operação-condor2 Martín Almada
0

Os deuses das trevas: Kissinger, Pinochet e Banzer

Martin Almada*  À luz dos fatos, percebe-se que houve, na execução da “Operação Condor”, uma divisão de trabalho. 1) O ideólogo do plano criminoso foi Henry Kissinger, então secretário de Estado norte americano; 2) Coube a Pinochet a tarefa de limpeza comunista do aparelho de estado, sociedade civil e política. E, dentro desta concepção, dar apoio solidário aos outros países do Cone Sul; 3) A cargo do general boliviano Hugo Banzer estava a “limpeza” no seio da…

Educação-Para-a-Liberdade Educação
0

Meu crime: Educar para a liberdade

O pensamento de Rousseau constitui, sem dúvida, um dos marcos mais importantes da ilustração. Não em vão O Contrato Social se converteu em uma das obras mais lidas depois da Revolução Francesa. No entanto, esse ensaio foi eclipsado por Emílio (1762), que gozou de grande popularidade em sua época. Este escrito sobre educação escapa a uma fácil classificação em um gênero concreto. É um livro de filosofia, de pedagogia, um romance, um estudo da bondade natural do ser…

operação-condor1 América Latina
0

Operação Condor: Sentença de Tribunal italiano é decepcionante

“Deixar que a dor flua… são milhares de projetos de vida arrebatados, destruídos… vítimas, familiares, organizações e também autoridades anunciaram que apelarão de uma sentença plena de contradições” (Martín Almada). Segue a crônica da jornalista Nadia Angelucci, italiana especialista em América Latina: Nadia Angelucci* Uma raiva contida, uma indignação feroz, uma incredulidade dolorida, o silêncio acompanhou a leitura da sentença dada pela presidenta da Terceira Corte de Asís de Roma, Evelina Canale, é o que se…

Fidel Fidel Castro
0

Fidel Castro, mais vivo que nunca

Em Assunção, regressando de uma longa viagem de trabalho, fui surpreendido pela notícia sobre Fidel Castro. Não posso dizer “sua morte”, tampouco “seu falecimento”… e menos ainda aceito a ideias de alguns comentaristas de que com ele termina a Guerra Fria… na América Latina. Martin Almada* Fidel Castro passou a um outro nível e a força das ideias e a resistência contra o imperialismo ganhará nova vida e energia no contexto mundial que se vislumbra,…

Campo de Concentração de Emboscada no Paraguay. Ditadura Nunca Mais
0

Martin Almada: Cela 12. Controle!!!!!

Testemunho carcerário de Martin Almada Cela 12. Controle!!!!! É o grito com que me despertaram no Campo de Concentração de Emboscada, a 45 Km de Assunção em uma madrugada de 1977, durante o governo de “Paz e progresso sem comunismo” de Alfredo Stroessner. Eram cinco da manhã e fazia frio dentro dessa montanha de pedra onde foi construído um quartel tipo feudal. Um bruto sargento nos ordenou que ficássemos de pé, fez a chamada dos…

Protestar-é-um-direito-reprimir-é-um-delito-dest Educação
0

Carta à UNESCO: Protestar é um direito, reprimir é um delito

Carta à diretora geral da UNESCO sobre as violações dos direitos humanos no México. Assunção, 25 de novembro de 2004 Senhora Diretora Geral da UNESCO Irina Bokova Paris Urgente enviar a México o relator da UNESCO sobre Direito à Educação. Seja a oportunidade propícia para aderirmos à Declaração feita pelo Conselho Latino-americano de Ciências Sociais (Clacso) que diz: “Diant dos crimes contra os estudantes normalistas de Ayotzima, estado de Guerrero, México, o Conselho da Clacso…

Archivos Del Terror Paraguay Destaque Argentina
0

Provas condenam militares argentinos

Miguel H. López* Os documentos do Arquivo do Terror, de Assunção do Paraguai, foram a peça chave que permitiu a condenação na Argentina, de vários militares da ditadura de 1976 a 1983. O juiz paraguaio Gustavo Santander foi a ponte que permitiu que se pratica justiça em memória de centenas de milhares de perseguidos e desaparecidos políticos. Os pormenores do caso não eram conhecidos até agora apesar de ter começado em 2003. O magistrado paraguaio,…

operação condor1 Martín Almada
0

Operação Condor, 21 anos do descobrimento dos arquivos do terror

“A vida continua, porém o vazio é enorme e o luto é permanente!” Martín Almada* Era uma vez uma sociedade sul-americana plural e respeitosa das diferenças ideológicas que lastimosamente confiou demasiado em sua Força Pública, Exército e Polícia que não obedeceram à Constituição nem se subordinaram aos poderes do Estado, mas, sim obedeceram às ordens de Washington. Essas forças armadas foram formadas na Escola das Américas, na Zona do Canal do Panamá. Ali se incubou…

Martín Almada Strossner Martín Almada
0

Repressão, tortura e morte na ditadura Stroessner

O Museu das Memórias recorda as repressões e violações dos direitos humanos durante a ditadura de Alfredo Stroessner. Funciona no que foi o escritório da Direção Nacional de Assuntos Técnicos onde os episódios de torturas e mortes de opositores eram comuns. Javier Yubi* A casa, no centro de Assunção, foi alugada pelo governo do general Alfredo Stroessner e em 1956 ali se instalou a Direção Nacional de Assuntos Técnicos, um organismo destinado à violência política e…

3289135220_bf4c4771c1_b Martín Almada
0

Quien invento a Chavez?

Martin Almada* En la historia de  los pueblos y de los hombres existen fechas  que por su trascendencia se vuelven  imborrables. Así parafraseando al notable escritor paraguayo  Augusto Roa Bastos  en su  genial obra “ EL TRUENO ENTRE LAS HOJAS”  un “  día un trueno cayo en  Venezuela  y se quedo  entre las hojas, un joven  militar , comió esas hojas y  empezó a rugir como el trueno  en su cuartel reclamando justicia social  llegando…