América Latina

panama Panamá

Embaixador dos EUA no Panamá renuncia

John Feeley, um diplomata de carreira e ex-piloto de helicóptero das Forças Armadas dos EUA, renunciou ao cargo, alegando ao Departamento de Estado norte-americano que não se sente mais capaz de servir sob o presidente Donald Trump. Uma porta-voz do Departamento de Estado confirmou a saída de Feeley.

Argentina's President Mauricio Macri gestures during the Circulo de Montevideo Foundation and Former President's Summit in Buenos Aires, Argentina May 11, 2017. REUTERS/Marcos Brindicci Argentina

O discurso de um psicopata

O discurso do presidente Mauricio Macri é o discurso de um psicopata: nega e tergiversa o que podemos perceber pela nossa própria experiência, e isso é enlouquecedor. Claudia Masin* Ele põe na vítima a culpa pelo seu próprio sofrimento, e isso faz com que a vítima fique confusa e deprimida. Ele não se responsabiliza por seus atos. Para ele esses atos são sempre ação de outros, dos quais ele é a vítima inocente. Isso gera…

cms-image-000475164 América Latina
0

Quando é que a esquerda latino-americana vai se unir?

A esquerda latino-americana deve reagir, deixar de lado esse machismo rançoso, deixar esse egocentrismo podre e buscar a unidade, ou ficar completamente de lado e não estorvar e deixar que aqueles que têm a capacidade, a coragem e o amor à terra ocupem seu lugar. Porque já não se trata de protagonismos, se trata de resistência, de salvar as juventudes do decaimento e de recuperar a soberania de uma região que está sendo devorada pelas aves de rapina.

Fujimori-no-amninistiable Gustavo Espinoza M.

Cambalache no Peru

O segundo significado de “cambalache” é a que melhor se adequa ao que ocorreu no Peru em vésperas das festas natalinas. De fato, se trata de um “intercâmbio de coisas materiais ou imateriais, feito com malícia ou com afã de lucro”. A verdade é que não há precedente porque nunca houve casos parecidos. Gustavo Espinoza M.*

Mujica Reflexões 1

Pepe Mujica: Assim pensamos os do Sul

A tolerância é o fundamento de poder conviver em paz, e entendendo que no mundo somos diferentes. O combate à economia suja, ao narcotráfico, à burla, à fraude e à corrupção, pragas contemporâneas, perfilhadas por esse anti valor, esse que afirma que somos felizes se enriquecermos seja como for. Jose Pepe Mujica.

panama3 Destaque 2

Invasão de EUA a Panamá repete Guernica

Há 28 anos, em 1989, no dia 20 de dezembro, os Estados Unidos invadiram o Panamá. Neste texto, Raul Leis -para quem preservar a memória histórica dos povos era uma tarefa indispensável-, associa o bombardeio de El Chorrillo ao do pequeno povoado basco de Guernica, ocorrido durante a guerra civil espanhola. Raul Leis Romero*

Una batalla de largo aliento traba el Perú Gustavo Espinoza M.

Batalha para muito fôlego no Peru

Os documentos entregues à imprensa pela Comissão Lava Jato incrementaram a confusão em um amplo setor da cidadania que ainda tinha dúvidas sobre a honradez de seus governantes e que hoje olha com desencanto para o presidente do Peru. O regime neoliberal se fez crise, do mesmo modo que o aprismo de Alan e a máfia fujimorista.

ven-elecciones Venezuela

Venezuela onde o voto é prá valer

Ao contrário do que alardeiam os grandes meios de comunicação, que fazem oposição sistemática ao processo vigente na Venezuela desde a ascensão de Hugo Chávez, a oposição não se ausentou do processo eleitoral. Alguns partidos declararam, de fato, que não participariam, convocando a população ao boicote.

REVOLUÇÃO CUBANA DE COMEMORANDO A VITÓRIA 45 ANOS DEPOIS. Cuba

Cuba: A segunda vitória de Girón

Pela primeira vez na história, há 55 anos Estados Unidos pagou a Cuba uma indenização de guerra pelos danos materiais causados, fato que ressaltou a genialidade do líder da Revolução, Fidel Castro. Os pormenores do que ocorreu está num livro lançado recentemente: “Batalha pela indenização. A segunda vitória de Girón”.

guerra cultural Cuba

Cuba e o pacote da guerra cultural

Para as emissoras de tv em aberta guerra cultural só está permitido o ponto de vista do renegado e em sua estratégia de comunicação desenvolvem só valores comerciais que tipifiquem os elementos do código de guerra. São absolutistas na norma de tendência política: seu próprio sistema de Partidos é o único que pode ser chamado de democracia.

wm Colômbia

ONU: Caminho difícil à paz na Colômbia

O chefe da Missão da ONU deixou claro que um dos principais problemas que afetam as pessoas que estão se reincorporando à vida civil é que não existe uma atualização na base de dados da Força Pública, razão pela qual ainda estão detidos, não podem acessar o sistema bancário ou assinar contratos com o Estado.

arasanjuan-1024x576 Argentina
0

Ara San Juan 8: O povo quer saber

“O trágico desaparecimento do submarino ARA San Juan coloca dois aspectos chaves: um, a busca contra o tempo quando existe a mínima possibilidade de uma “sobrevivência extrema” da tripulação e saber o que é que aconteceu de verdade. Também deverão responder se estavam sendo realizadas as manobras Cormorán”. Stella Calloni*

honduras1 Honduras
0

Honduras sacrificada pelo Triângulo Norte

O que está ocorrendo em Honduras é uma lição para as gerações da desmemória. Os golpes suaves, golpes de Estado e golpes preventivos só servem para manter o sistema intacto e dar continuidade ao saqueio e à opressão. Por isso a imprensa internacional continua sabotando com sua linguagem dúbia e manipulada, a ditadura que está no país.

37970307244_eafb6647ca_z (1) América Latina

Do México ao Uruguai, campanha contra “ideologia de gênero” mobiliza conservadores

Estudo realizado pelo Brasil de Fato mapeia interações em redes sociais em torno do termo em países da América Latina Por Rute Pina, no Brasil de Fato “Somos contra a ‘ideologia de gênero’ porque ela busca distorcer a mente dos nossos filhos, confunde as crianças e mete na cabeça delas conceitos equivocados de sexualidade.” A declaração poderia ter sido de qualquer manifestante que estava no SESC Pompeia, em São Paulo (SP), contra uma conferência da filósofa estadunidense…

fidel-castro América Latina

Fidel Castro integracionista

Talvez a melhor maneira de honrar o legado político de Fidel Castro para os povos de América Latina e Caribe seja recordar essas palavras e a prática da Revolução Cubana com vistas à integração, não como um mero enunciado, mas como um propósito de ação política prioritária para alcançar nossa autêntica soberania.

Golpe contra Nasralla em Honduras Honduras
0

Golpe contra Nasralla em Honduras

Há anos Honduras se enchia de indignados manifestando com tochas. A longa noite hondurenha se enchia de luz, de resistência, de povo desperto, de utopias e vontade. O povo hondurenho tem a força, a dignidade, a honradez e o amor para resistir e não permitir que os abutres da exploração, da manipulação e do extermínio governem.

Argentinos convocan por la 2a independencia Argentina

A luta para os povos é de libertação Nacional

O documento de convocação para esse movimento expõem claramente os estragos causados pelo projeto de dominação neoliberal, faz a necessária crítica aos movimentos populares que fizeram o jogo do capital financeiro e traça caminhos para a libertação. É um pouco longo mas vale a pena ler. Um bom exemplo para as esquerdas latino-americanas.

guatemala Guatemala
0

Guatemala: Oasis da incoerência e do oportunismo

Na Guatemala os absurdos em matéria de Direitos Humanos se contam até o infinito, já é costume que populações inteiras de indígenas sejam despojadas de suas terras, tenham suas casas queimadas, e sejam assassinadas pelos braços armados dos bandos de criminosos que pululam no governo. Ilka Corado*

idego Carolina Vásquez Araya

Os excessos do poder

Uma das consequências do monopólio do poder em um círculo de corrupção e privilégios, somado à ausência de qualidade da gestão pública, é a marginalização da infância e da juventude como uma estratégia de dominação. A táctica de privar esse sector de acesso à educação. Carolina Vásquez Araya.*

Malvinas agora é base de treinamento militar Argentina

Malvinas agora são bases de treinamento militar

Sputnik dialogou com o veterano e integrante do Centro de Ex Combatentes das Ilhas Malvinas, Ernesto Alonso, sobre as manobras militares realizadas pela Grã Bretanha no arquipélago do Atlântico Sul. Segundo Alonso, “esses exercícios estão sendo realizados pela Grã Bretanha de forma “unilateral” e “reiterativa”.

Pablo-Neruda-Flickr-ceetap- Chile

Neruda continua lutando

Foi o que sentimos na tarde em que encerraram o encontro de cientistas internacionais. Neruda continua combatendo. Neruda vive. Está na frente e por cima do crime dos fascistas de 73, boa parte dos quais continua também na ativa. Eduardo Contreras*

misill Cuba

Cuba x EUA: A Crise de Outubro de 1962

Transcorridos 55 anos daqueles acontecimentos, ainda se tenta tergiversar a história. O certo é que, como disse Che Guevara em sua célebre carta de despedida, ao referir-se ao papel do comandante Fidel Castro durante a crise: “Poucas vezes brilhou mais alto um estadista do que nesses dias”. Elier Cañedo*

LEAD Technologies Inc. V1.01 Guatemala
0

Guatemala: A pátria é agora

A Guatemala não mudará retuitando e bombando nas redes sociais com palavreado que sai da comodidade de estar diante da tela de um computador ou telefone celular, redes sociais as quais pequena parte da população tem acesso.

Guatemalan President Jimmy Morales speaks during a meeting with mayors of the whole country in Guatemala City on August 29, 2017.
Guatemala faced a fresh political crisis Sunday as President Jimmy Morales tried to expel a UN official investigating him for suspected corruption, but was overruled by the courts. / AFP PHOTO / JOHAN ORDONEZ Guatemala
0

Guatemala / Jimmy Morales, não grato

Atrás de Jimmy Morales, está a impunidade que mancha todos os dias não só a Guatemala, mas a todos os povos do mundo.O que estão esperando para exigir a renúncia imediata de Jimmy “o ungido” –com vaselina- Morales?

Fidel-Castro-Cuba-Flag-Cuban-Flag Cuba

Recordando a Fidel Castro

Neste 13 de agosto Fidel estará – como tantas outras vezes – no acampamento de pioneiros de Tarará, compartilhando com eles um bolo e um sorriso de homem feliz, conversando com o Che, evocando a José Martí; reencontrando-se em Cinco Palmas com seu irmão Raúl e outros combatentes, como fez no 18 de dezembro de 1956.

2016-03-america-mexico-main_0 Carolina Vásquez Araya

Os pequenos imigrantes

Como é possível criminalizar estes pequenos imigrantes como se para eles imigrar fosse uma travessura levada ao extremo? Porque essas meninas, meninos e adolescentes que cruzam as fronteiras em condições horripilantes de risco e indefesas, são tratados como delinquentes em todos os pontos do trajeto.

pobreza (1) Carolina Vásquez Araya

Sob a sombra da mentira

A Guatemala vive uma mentira constante. Vive a mentira de uma democracia que não existe plenamente porque um punhado de adictos ao poder tomou o controle absoluto das decisões mais importantes para seu presente e seu futuro. Vive também a mentira de um equilíbrio econômico sustentado por um dos setores mais maltratados de todos: os migrantes.

PRD #VenezuelaSobAtaque

PRD de Panamá com os venezuelanos

O Partido Revolucionário Democrático (PRD) registra que o governo do presidente Juan Carlos Varela violou a dignidade do país ao rebaixar o Panamá à condição de apêndice submisso da política exterior dos Estados Unidos ao apoiar as sanções impostas pelos Estados Unidos a Venezuela e a funcionários desse país de maneira unilateral.

84b24a03a47471fe326ccf498b099511_XL Nils Castro
0

O neocolonialismo no Panamá

La Estrella de Panamá, o jornal mais antigo do país e um dos mais antigos de Nossa América, teve sua morte decretada por Washington mas resiste e requer a solidariedade continental. Trata-se de um jornal tradicionalmente de centro que nunca negou espaço para o pensamento de esquerda.

Revolução Vs Centrismo em Cuba

Processos culturais e estratégias políticas Jorge Ángel Hernández* O socialismo do século XX no poder, ou seja, aquele que foi chamado de “real” logo depois da queda das variáveis no campo da Europa do Leste, transcende, no âmbito da participação democrática, o sistema de Partidos Políticos que hoje rege como democracia legítima no panorama global ocidental. Esta é uma verdade que desapareceu aos olhos do imaginário político da cidadania ocidental graças à rígida teia de…

Bolivia's President Evo Morales wipes his eye during a closing campaign rally in El Alto, Bolivia, Wednesday, Feb. 17, 2016. Bolivians decide this weekend whether to amend the constitution so President Evo Morales can run for a fourth consecutive term in 2019. (AP Photo/Juan Karita) Bolívia

Vá embora, Evo

Vivemos em um país onde governa Evo, um terrível tirano há 11 anos. Durante esse tempo, o regime mandou construir 3.000 centros de saúde de primeiro nível e 200 de segundo nível. Isso significa um centro de saúde a cada quatro dias e em 2017 serão construídos 36 novos hospitais. Você deve ir embora, Evo.

Venezuelanos em centros de acolhida no estado da Roraima / Alberto Cesar Araújo/ Amazônia Real América Latina

O que explica o aumento de pedidos de venezuelanos e cubanos por refúgio no Brasil?

O crescimento do número de pedidos de refúgio de venezuelanos e cubanos ao governo brasileiro, apontado no relatório apresentado pelo Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) no último dia 20, chama a atenção pelo ineditismo do fato, já que os países não têm histórico desse tipo de solicitação de forma massiva ao Brasil. Para entender o fenômeno, o Brasil de Fato consultou diversos especialistas em imigração, que apontaram questões econômicas, o restabelecimento…

marielos1__large Carolina Vásquez Araya

Marielos e os dinossauros

Não é um regresso aos anos 70. Em realidade, eles nunca foram plenamente superados. Carolina Vásquez Araya* As estratégias de intimidação contra quem trabalha por avanços tão importantes como o estabelecimento de um melhor sistema de justiça e contra a impunidade, nunca desapareceram. Pelo contrário, parecem se intensificar na medida em que começam a ser vistos os primeiros resultados do esforço da população civil em defesa de seus direitos por meio de ações concretas. Por…

Cityo2QW0AAT370 América Latina

Reestruturação da Operação Condor

Não importa quem seja o presidente de turno, o sistema capitalista é o mesmo. A cada mudança de administração são realizados reajustes, provocados mais pelo ego de cada presidente, porém a Operação Condor é a mesmas, não se move de lugar, está instalada de forma permanente. O que ocorre são reajustes de acordo ao tabuleiro político do neoliberalismo e do progressismo na região. Ilka Oliva Corado* As atividades de Trump nos últimos dias com relação…

Jimmy Morales Carolina Vásquez Araya

Guatemala: Nem com água benta se limpam as manchas

Só se pode melhorar a imagem governamental adotando as decisões corretas. Carolina Vásquez Araya* A campanha de imagem que o governo da Guatemala contratou de uma empresa estrangeira, na realidade é uma medida desesperada para manejar à grave crise de credibilidade da atual administração. Aparentemente, trata-se de uma estratégia para consolidar laços entre o governo e as instâncias legislativas estadunidenses, além de maquiar a pálida imagem oficial, mas revela taxativamente a incapacidade da equipe diplomática…

trumpcuba_garrett Cuba

As bravatas de Trump se esfacelarão contra a dignidade de Cuba

Tal como ocorreu com Kennedy, Johnson, Nixon e Ford, e com Carter, Reagan, o Bush pai, Clinton e o Bush filho e até com o próprio Obama, Donald Trump se equivoca se acredita que com bravatas e palhaçadas e ameaças belicistas contra Cuba conseguirá o que todos os demais tentaram fazer e fracassaram estrepitosamente. Carlos Aznárez* Cuba, seu povo e seu governo são feitos de boa cepa forjada na base de teoria e práticas revolucionárias…

21egyptian Panamá

Ameaças terroristas ao Canal do Panamá?

Em memória de Jorge Camacho, Mártir da luta pela soberania Olmedo Beluche* Não tinha transcorrido nem um par de dias do anúncio de que o presidente de Estados Unidos, Donald Trump, receberia em visita oficial o presidente panamenho, Juan C. Varela, quando o Departamento de Justiça publicou a notícia da prisão de dois presuntos terroristas que tinham perscrutado alvos para ataques no Panamá, inclusive o canal. Existiria uma relação casual ou causal entre ambas as…

IMG_4572 Leonardo Wexell Severo
0

Curuguaty: Após 5 anos, paraguaios retomam luta por Justiça

Manifestantes condenam desgoverno Cartes e defendem imediata libertação dos presos políticos. Leonardo Wexell Severo, de Assunção especial para Diálogos do Sul* “Camponês sem terra não é camponês. Queremos plantar feijão, mandioca e milho, para que todos tenham o que comer. Graças às pessoas que nos apoiam frente à injustiça, não conseguiram e nem conseguirão matar nossos sonhos. Nós somos presos políticos e queremos que vocês sejam nossos porta-vozes”. A carta-exortação dos camponeses de Curuguaty presos…

Colombian opposition led by former President Alvaro Uribe march to protest against President Juan Manuel Santos' government and denounce concessions they have made in peace talks with the Revolutionary Armed Forces of Colombia, or FARC,  in Bogota, Colombia, Saturday, April 2, 2016. (AP Photo/Fernando Vergara) Colômbia

Política do horror na Colômbia: 46 líderes assassinados

A política do horror já contabiliza 46 seres humanos, homens e mulheres, assassinados nos 150 dias de 2017, por sua provada dedicação à defesa dos direitos humanos e por serem líderes sociais de profundas e reconhecidas convicções éticas. Manuel Humberto Restrepo Domínguez* O dado de per se impacta e deveria provocar o repúdio unânime dos partidos, universidades, meios de comunicação, igrejas e promover uma reflexão pelo real sentido do valor da vida num país em…

oscar rivera Entrevistas

Há que lutar pela descolonização de Porto Rico

“Devemos nos atrever a lutar até a última gota de força” Oscar López Rivera Alícia Jrapko* No marco de ato realizada no dia 31 de maio em Berkeley, em homenagem ao ex preso político porto-riquenho Oscar López Rivera, a editora de Resumen Latinoamericano nos Estados Unidos e ativa militante da solidariedade com Cuba e Porto Rico, Alicia Jrapko, entrevistou o independentista borínque. Pouco antes o lutador revolucionário fora ovacionado por 800 pessoas que lotaram a…

Un ha´lito de esperanza en el Peru´dest Gustavo Espinoza M.

Um laivo de esperança no Peru

A crise do socialismo nos anos 1990 trouxe catastróficas consequências em todos os países. O Peru não foi uma exceção. Surgiram vozes, inclusive no interior das filas do PCP que asseguraram que o Partido Comunista tinha sido “criação de Ravines”, a quem consideraram o expoente do “seguidismo”. Gustavo Espinoza M.* Reivindicaram então que a crise nos obrigava a “voltar à Mariátegui” -que tinha denominado a organização política por ele criada com o nome de “Partido…

porto-mariel-cuba Cuba

Mercado internacional de olho no Porto de Mariel

A Zona Especial de Desenvolvimento (ZED) Mariel, em Cuba, com apenas três anos e meio de existência, já está atraindo o mercado regional e internacional, assegura a diretora geral do enclave, Ana Teresa Izarga. Maria Julia Mayoral* Na opinião da diretora isso comprova os bons resultados da iniciativa encaminhada a fomentar o desenvolvimento sustentável, através de investimentos estrangeiros diretos, à inovação tecnológica e a concentração industrial com estrita proteção ao meio ambiente. Instalada no norte…

esquerda América Latina
1

A esquerda confusa

Existe na América Latina uma esquerda confusa. Antes das eleições presidenciais no Equador, essa mesma esquerda reafirmava que o ciclo progressista estava por chegar ao fim. Amauri Chamorro* São os mesmo que saem de perto na hora de defender o legítimo governo do presidente Nicolás Maduro que está a enfrentar uma nova ofensiva da direita assassina Venezuelana. A esquerda confusa é resultado do aburguesamento das direções, a absoluta falta de autocrítica, o distanciamento das ruas,…

visita a Ecuador del primer vicepresidente de los Consejos de Estado y Ministros de Cuba, Miguel Díaz-Canel Ecuador

Cuba e Equador, o abraço entre povos fraternos

A recente visita ao Equador do primeiro vice-presidente dos Conselhos de Estado e de Ministros de Cuba, Miguel Díaz-Canel, testemunha o bom momento que atravessam as relações entre ambos os países, no seu entender, “irmãos com um caminho por andar”. Sinay Céspedes Moreno* “Tudo o que estamos vivendo tem que ver também com reflexões históricas”, assegurou em entrevista nos últimos momentos de sua visita a Quito de onde partiu para Bolívia, Nesse sentido, enfatizou a…

macri-vende-patria-1024x663 Argentina

Macri e a entrega da soberania da Argentina

V Seminário Internacional pela Paz, Guantánamo – O atual governo neoliberal argentino no marco da militarização imperialista regional. Carlos Aznárez* “Nunca entendi os temas de soberania em um país tão grande como o nosso. Nós não temos um problema de espaço como têm os israelenses e nesse sentido, as Ilhas Malvinas seriam um forte déficit adicional para a Argentina”. Tais palavras saídas da boca do presidente argentino Mauricio Macri dão a pauta do nível com…

MEXICO Argentina

Não se mata a verdade matando jornalistas

Convocatória: Argentina se mobiliza em solidariedade com México. Assembleia de Mexicanos na Argentina em solidariedade com México. O México sofre uma crise humanitária que de novo coloca em evidência o 15 de maio, em que foi assassinado o jornalista Javier Valdez Cárdenas, em Sinaloa. Em 2006 o ex presidente Calderón mergulhou o país numa irresponsável guerra contra o narcotráfico continuada por Peña Nieto. Desde então tem havido mais de 200 mil assassinatos e mais de…

videla-genocida Argentina

Morreu Videla, o canalha

Morreu Videla. Morreu um ser desprezível. Católico fundamentalista, arderá pelos séculos dos séculos no inferno. Suas perversidades só são comparáveis às dos nazistas Roberto Pizarro* Assassinatos, torturas, violações, roubo de crianças e a débacle econômica e social marcaram seu regime. Foi  cabeça de uma gangue de militares que, com o apoio da oligarquia, assaltou o poder e encabeçou a maior tragédia da história argentina, inclusive a absurda guerra das Malvinas. Pelo menos morreu na prisão,…

catástrofe econômica e social do governo Macri1 Argentina

Argentina: Os elefantes e o abismo

Estupor internacional pelo continuidade da catástrofe econômica e social do governo Macri. Jornais internacionais como o britânico The Guardian; os estadunidenses Washington Post e New York Times; os espanhóis El País e El Mundo, os franceses Libération e o Le Monde Diplomatique; o Corriere della Sera, além de alemães como o Bild el Allgemeine e outros, se referem a deterioração da Argentina como consequência das políticas implementadas pelo presidente Maurício Macri e seus sócios. Silvia…

paz-seminario Cuba

Uma coalizão para a paz mundial

Uma coalizão mundial pela paz integrada por movimentos e organizações pacifistas será uma força vital para a denúncia permanente contra o incremento da militarização do planeta. Nuriem de Armas* A organização e conformação foi resultado do compromisso apoiado por 300 participantes no V Seminário Internacional pela Paz e Abolição das Bases Militares, que reuniu em Cuba lutadores pela paz de 25 países na cidade de Guantánamo, simbólica por ser o enclave militar estadunidense mais antigo…

Guatemala Carolina Vásquez Araya

Guatemala: As alturas do Olimpo

Nunca estão mais evidentes as distâncias sociais como quando se crê nas diferenças. Carolina Vásquez Araya* Quando, recém-chegada à Guatemala, fui convidada para um jantar e decidi que o melhor para agradar meus anfitriões seria vestir uma linda roupa bordada por uma mulher do altiplano, região em que havia admirado o esbanjamento de cores e delicadeza dos tecidos indígenas, logo percebi que havia cometido um erro crasso. Ao receber-nos a dona da casa me olhou…

luis-almagro-consejo-permanente-oea Bolívia
0

Almagro, soldado da invasão

Aventureiro colonialista, Diego de Almagro chegou ao Peru em 1530 com seus sócios Francisco Pizarro e o clérigo Hernando de Luque, os três firmantes do Contrato de Panamá (1527), um pacto para repartirem em partes iguais as riquezas a acumular no império incaico. Em seu plano invasor do Novo Mundo, fizeram-se seguir de centenas de espanhóis sicários e ambiciosos como eles. Sem outros objetivos, trabuco e bíblia em mãos, arrasaram cidades, perpetraram grandes matanças de gente assombrada…

Encuentro Internacional de Solidaridaddest Cuba

Encontro Internacional de Solidariedade em Cuba

A unidade como prática política em tempos de contra ofensiva imperial Laura V. Mor.* Unidade foi a palavra de ordem e a prática do Encontro Internacional de Solidariedade transcorrido na cidade de La Habana, Cuba. Como todos os nós, na comemoração do Dia Internacional do Trabalhador, com multitudinários desfiles populares por todas as partes da ilha de Cuba, em torno de 1.200 representantes sindicais e de organizações, partidos e movimentos sociais dos cinco continentes se…

IMG_6254 América Latina

O primeiro Dia dos Trabalhadores sem Fidel e o último com um Castro no poder

O lema “nossa força é a unidade” não é um slogan vazio, mas um horizonte perseguido pelos cubanos na defesa da revolução. Por Vanessa Martina Silva, de Havana, Cuba, para o Diálogos do Sul   Às 4h30 da manhã já se ouvia a mobilização de trabalhadores cubanos na proximidade de nosso hotel no bairro de Vedado. Por toda a capital, em diversas ruas, os carros foram impedidos de circular para comportar as cerca de um milhão…

parlasur-1 Paraguay

PARLASUL repudia violência no Paraguai

A XLVI Sessão Ordinária do Parlamento do MERCOSUL se realizou nesta segunda-feira, 24 de Abril, no edifício MERCOSUR em Montevidéu, Uruguai. Durante a manhã do dia de hoje reuniram-se as Comissões Permanentes e a Mesa Diretora, nas quais foram tratados temas administrativos e de ordem política. No período da tarde teve desdobramento a XLV Sessão ordinária, na qual se destacou o debate proposto pelo Parlamentar Ricardo Canese, com a Parlamentar Amanda Nuñez como relatora, a…

parlasur-1 Parlasul

PARLASUL debate criação de Corte de Justiça do MERCOSUL

Esta próxima segunda-feira, 24 de abril, a partir das 11 horas, se reunirá o Parlamento do MERCOSUL para sua XLVI Sessão Ordinária que será realizada no Edifício MERCOSUL, em Montevidéu, Uruguai. Entre os pontos destacados da ordem do dia está o relatório da Comissão de Cidadania e Direitos Humanos, presidida pela Parlamentar argentina Cecilia Britto, a respeito das Audiências Públicas realizadas na Venezuela nos dias 7 e 8 de Julho do ano passado. Também se…

Sanjines.. Audiovisual

Jorge Sanjinés abre Escola Andina de Cinema

As aulas serão ministradas por professores como Antônio Eguino, Paolo Agazzi, Mela Márquez e Sérgio Calero, em La Paz. Haverá um curso regular e oficinas periódicas. O premiado diretor Jorge Sanjinés abrirá a Escola Andina de Cinematografia em La Paz, criada para cobrir as necessidades de educação, produção e desenvolvimento do audiovisual na Bolívia. O mestre oferecerá em maio a oficina internacional de roteiro, com duração de duas semanas. “A escola é um projeto que…

Cuba_Praia_Giron_Outdoor Cuba
0

Há 56 anos da vitória de Girón

A liberdade e o futuro do povo cubano estavam em jogo nas areais de Playa Girón, há 56 abris, quando Cuba esmagou, numa contra ofensiva relâmpago, a operação melhor preparada por Washington contra a América Latina. Marta Denis Valle* Nunca desaparecerá da vida cotidiano dos cubanos o significado da Vitória de Girón, em 19 de abril de 1961, sem a qual a Revolução teria fracassado na oportunidade de mudar o destino do país. O capricho…

270612923_b66af1009b_o América Latina

O processo bolivariano se afirma e avança

Contrário ao que sustenta a “grande mídia”, o processo bolivariano emancipador latino-americano se afirma e avança em Nossa América, enfrentando vigorosa e resolutamente a campanha agressiva do Imperialismo e as camarilhas locais a seu serviço. Os acontecimentos ocorridos recentemente na Venezuela e no Equador, para espanto da classe dominante, desmentem a “derrota” dos povos e o suposto “fracasso” da onda libertadora em solo americano. É o que afirma o Coletivo de Direção do CEDIS –…

Guatemaladestaque Carolina Vásquez Araya

Guatemala: A bolha por trás das grades

As constantes crises que atualmente ocorrem na Guatemala trazem reminiscências de passadas ditaduras. Carolina Vásquez Araya* É muito lindo viver em democracia. Ter a suficiente liberdade de pensamento para opinar abertamente sobre qualquer coisa, desde uma banal piada até os temas profundos da sociedade; caminhar pelas ruas sem medo de sofrer uma morte não programada na agenda do dia e sobretudo aceitar com absoluta certeza a pertinência das leis que regem a comunidades, com a convicção…

tsj_venezuela Parlasul

Crise na Venezuela divide opinião dos Parlamentares do MERCOSUL

Depois que o Tribunal Supremo de Justiça (TSJ) da República Bolivariana da Venezuela decidiu assumir as competências da Assembleia Nacional, por considerar que persiste seu “desacato” pelo descumprimento de várias sentenças judiciais, diferentes Parlamentares do MERCOSUL se pronunciaram sobre a temática. O Parlamentar Oscar Ronderos, representante da oposição na Venezuela, afirmou à Agência PARLASUL que a sentença do TSJ “desconhece o princípio da separação de poderes, a representação plural que requer qualquer Parlamento, que uma…