Dialogando

O Che e outras histórias

0

“Como “morto em combate” ia passar o Che a história das mentiras, se o jornalista Albert Brun não tivesse visto o médico José Miranda Caso no pátio do hospital e ficar sabendo que haviam matado Che algumas horas antes com uma rajada de metralhadora”. Jorge Mancilla Torres*

Água, o grande desafio

O Brasil precisa seguir o exemplo dos seus vizinhos bolivianos, equatorianos e uruguaios, e lutar pelo direito à água, compreendendo que a água também tem valor econômico porquanto é vida. Mas que a vida tem um valor inestimável, não tem PREÇO!

Brasil: Nem a plutocracia aguenta mais

Reflexões sobre a proposta da Frente Parlamentar Mista de Defesa da Soberania Nacional do Brasil. Paulo Cannabrava Filho* O vetusto “Estadão” (O Estado de São Paulo) diário da oligarquia transformado em porta-voz do pensamento único, em editoriais de sábado e de domingo, lasca o pau nos erros cometidos pelo supremo procurador geral Rodrigo Janot. “Açodamento” no acordo com Batista, “ação descuidada atrapalhou a vida de todos os brasileiros intimidando todo…

Teremos 1964 de novo?

Uma Frente em Defesa da Soberania Nacional e do Estado de Direito, para ser verdadeiramente ampla tem que contar com o apoio e participação ativa dos militares. Se a esquerda e os democratas não forem capaz de se unir para salvar o país, estamos fritos e a culpa será nossa.

Golpe e ditadura militar seriam alternativas para o Brasil?

“O golpe já ocorreu, em 2016, destruiu o embrião democrático que minha geração pensou estar nutrindo. E não há razão alguma para ter receio de outra ditadura. Ela já chegou.” Ceci Juruá* Certamente não, diz a quase unanimidade dos intelectuais e cientistas sociais do Brasil. E eu me incluo neste grupo, com a convicção de quem sempre lutou nas hostes democráticas. Mais ainda, amparada no conhecimento de nossa história e na…

Guatemala: A pátria é agora

0

A Guatemala não mudará retuitando e bombando nas redes sociais com palavreado que sai da comodidade de estar diante da tela de um computador ou telefone celular, redes sociais as quais pequena parte da população tem acesso.

Proibida

a fome deveria ser proibida, a exploração censurada, a mentira banida, a traição desmascarada a mídia desmentida a estima recuperada a riqueza dividida a natureza recuperada a ousadia absolvida a hipocrisia quebrada a fraternidade acolhida a omissão ensacada a boa nova renascida a maldição despachada…. . …a quadrilha q sequestrou o brasil, destituida…e toda canalha… enjaulada… tt Catalão!

Luiza Erundina, reserva moral

1

Luiza Erundina saiu da prefeitura rigorosamente com a mesma renda pessoal com que entrou. Honestidade raríssima entre seus pares. Sua inteireza moral funciona como receituário para o poder das mulheres em prol de uma sociedade mais igualitária.

Corcuera taumaturgo da memória

0

Ler “Vida cantada. Memórias de um olvidado” de Arturo Corcuera é como uma joia a que haverá que acudir com frequência, permanentemente, porque nela não só encontramos a viva palavra do bardo, mas um panorama do que foi esse mais de meio século que abarca sua criação literária.

O lúcido Milton Santos

0

Milton Santos foi um dos maiores críticos da ditadura do pensamento único. O professor dizia que o Brasil precisava encontrar seu próprio modelo de desenvolvimento: O centro do mundo é o lugar onde se está. Sem abandonar o que somos, podemos nos tornar universais.

RECOS / Economia Socioambiental e um novo modelo econômico

A RECOS atua na construção de um novo modelo econômico socioambiental e de empoderamento dos movimentos sociais focados na preservação e conservação ambiental, contribuem para a segurança pública, combatem às drogas, a violência contra a mulher, a criminalidade, a discriminação étnica, racial e religiosa, promovem a igualdade de gênero, concorrem para a geração de emprego, ocupação e renda.

Graciliano Ramos assinaria o Globo?

0

É possível ler no Globo aquilo que Graciliano Ramos escreveu logo na abertura de Memórias do Cárcere: “Não caluniemos o nosso pequenino fascismo tupinambá; se o fizermos, perderemos qualquer vestígio de autoridade e, quando formos verazes, ninguém nos dará crédito”. Antonio Máximo*

A atuação dos meios de comunicação

0

O atual quadro do sistema de comunicação do país e a falta de controle público e social sobre os meios, refletem negativamente sobre a imagem dos segmentos excluídos da sociedade, tais como: mulheres, negros, idosos, LGBT(s) e pobres, representando, assim, lamentavelmente, déficit de democracia e inominável agressão aos direitos humanos da maioria da população brasileira.

Garcia Lorca, um Pequeño Poema Infinito

Todas as coisas têm o seu mistério, e a poesia é o mistério de todas as coisas. Federico Garcia Lorca* Vítima da Guerra Civil Espanhola, Garcia Lorca foi mais que poeta, foi poesia. Uma Pequena Infinita Poesia. Lorca nunca ocultou suas ideias socialistas e, suas fortes tendências homossexuais. Foi ainda um excelente pintor, compositor precoce e pianista. Sua música se reflete no ritmo e sonoridade de sua obra poética. Como dramaturgo, Lorca…

A feira do livro de La Paz

0

Assim é a feira do livro, um animal de extraordinária inteligência e sensibilidade, acostumado a alimentar sua imaginação com sinais impressos sobre papel, que seu cérebro decodifica e converte em imagens únicas, que ninguém mais pode recriar.

Povos Indígenas: #MarcoTemporalNão #DemarcaçãoJá

O Marco Temporal é a principal bandeira dos grupos interessados em limitar direitos indígenas: é uma tese político-jurídica inconstitucional que anistia as violações e violências cometidas contra os povos indígenas até 1988, inclusive durante a Ditadura Militar, e alimentará as invasões às terras já demarcadas e a violência contra os povos indígenas, além de inviabilizar a demarcação de muitas terras.

Recordando a Fidel Castro

Neste 13 de agosto Fidel estará – como tantas outras vezes – no acampamento de pioneiros de Tarará, compartilhando com eles um bolo e um sorriso de homem feliz, conversando com o Che, evocando a José Martí; reencontrando-se em Cinco Palmas com seu irmão Raúl e outros combatentes, como fez no 18 de dezembro de 1956.

Os pequenos imigrantes

Como é possível criminalizar estes pequenos imigrantes como se para eles imigrar fosse uma travessura levada ao extremo? Porque essas meninas, meninos e adolescentes que cruzam as fronteiras em condições horripilantes de risco e indefesas, são tratados como delinquentes em todos os pontos do trajeto.

Sob a sombra da mentira

A Guatemala vive uma mentira constante. Vive a mentira de uma democracia que não existe plenamente porque um punhado de adictos ao poder tomou o controle absoluto das decisões mais importantes para seu presente e seu futuro. Vive também a mentira de um equilíbrio econômico sustentado por um dos setores mais maltratados de todos: os migrantes.

Gerações vencidas

0

América Latina, com suas muitas cores, sua fecundidade, seus Povos Originários e seus mártires, é uma terra de contradições e entre estas estão as gerações vencidas; acomodadas nas sombras do descaramento, do oportunismo e da indolência. Gerações que se negam a uma identidade própria e que pisoteiam todo rastro de memória e dignidade.

O neocolonialismo no Panamá

0

La Estrella de Panamá, o jornal mais antigo do país e um dos mais antigos de Nossa América, teve sua morte decretada por Washington mas resiste e requer a solidariedade continental. Trata-se de um jornal tradicionalmente de centro que nunca negou espaço para o pensamento de esquerda.

Os surrealistas Lula e Temer

O processamento do presidente Michel Temer pelo Supremo Tribunal e a condenação do ex-presidente Lula da Silva a nove anos e meio de prisão, por exemplo, têm a mesma origem e surgem do mesmo sigiloso contubérnio que, até no som, já é explosivo.

Clara Charf de todas as lutas

0

Lutar parece ser o verbo do coração de Clara Charf. Toda sua energia está na ação. Companheira de Carlos Marighella, guerrilheiro assassinado pela Ditadura Militar, viveu no exílio de 10 anos em Cuba Clara sempre contribuiu para as políticas, campanhas, programas que apoiam os direitos das mulheres e na atualidade, é presidenta da Associação Mulheres pela Paz.

Meu avô judeu

0

Gostava de dizer na escola que eu tinha um avô judeu. Isso durou até o dia que ele me chamou para dizer que eu não era e nunca seria uma menina judia. Não se tratava de uma escolha, mas de origem.

Reforma trabalhista na Espanha e no Brasil

A reforma trabalhista que está sendo imposta aos trabalhadores brasileiros pela dupla Temer/Meirelles tem como modelo a reforma elaborada pelos dirigentes da OCDE e que, com aprovação do FMI, foi aplicada na Espanha. Tanto lá como cá, a reforma tem apenas um objetivo fortalecer a ditadura do capital financeiro e ampliar os ganhos dos rentistas. Todo o resto não passa de falácias. Paulo Canabrava Filho*

Brasil: uma democracia sub judice

A democracia deve ser preservada. Não defendemos aqui apenas a inclusão de Lula na eleição de 2018. Defendemos a inclusão de Bolsonaro, de Marina, de Christovam Buarque, de Alckmin, de Álvaro Dias e de Ciro Gomes. Sem estes candidatos, seria ver, na disputa de 2018, a amputação de nossa democracia plena, uma disputa de cartas marcadas.

Os deuses das trevas: Kissinger, Pinochet e Banzer

0

Martin Almada*  À luz dos fatos, percebe-se que houve, na execução da “Operação Condor”, uma divisão de trabalho. 1) O ideólogo do plano criminoso foi Henry Kissinger, então secretário de Estado norte americano; 2) Coube a Pinochet a tarefa de limpeza comunista do aparelho de estado, sociedade civil e política. E, dentro desta concepção, dar apoio solidário aos outros países do Cone Sul; 3) A cargo do general boliviano Hugo Banzer estava…

Como não ser político?

O Brasil passa hoje por uma de suas piores crises políticas. A descoberta dos esquemas milionários de financiamento de campanhas eleitorais, trouxe aos olhos de todos quanto está atrasada a relação eleitor e candidato, e como o dinheiro é fundamental em mais de 90% das vitórias. Roberto Casseb* Esse cenário surreal na verdade levou o povo a uma revolta e uma descrença nos “políticos” de uma forma geral. Basta dizer que…

Pagamentos por serviços ambientais favorece mercado financeiro

A Lei nº 2.308, de 22 de outubro de 2010, do Estado do Acre, que cria o Sistema Estadual de Incentivos a Serviços Ambientais (SISA), o Programa de Incentivos por Serviços Ambientais (ISA), Carbono e demais Programas de Serviços Ambientais e Produtos Ecossistêmicos parece já manifestação da economia verde, antes que este conceito fosse badalado na Rio+20. Amyra El Khalili e Arthur Soffiati* Se o trabalho dos polinizadores pode ser…

Marielos e os dinossauros

Não é um regresso aos anos 70. Em realidade, eles nunca foram plenamente superados. Carolina Vásquez Araya* As estratégias de intimidação contra quem trabalha por avanços tão importantes como o estabelecimento de um melhor sistema de justiça e contra a impunidade, nunca desapareceram. Pelo contrário, parecem se intensificar na medida em que começam a ser vistos os primeiros resultados do esforço da população civil em defesa de seus direitos por…

O Marxismo de José Carlos Mariátegui

Nesse momento em que a perplexidade domina grande parte da intelectualidade e movimento sociais, inclusive dos partidos que se consideram de esquerda ou democráticos e progressistas, que parecem perdidos diante da conjuntura, Sara Beatriz Guardia nos brinda com uma clara síntese do pensamento de José Carlos Mariátegui. Publicamos e recomendamos sua ampla difusão como contribuição ao debate necessário para a retomada de um pensamento de vanguarda para as esquerdas latino-americanas,…

Reestruturação da Operação Condor

Não importa quem seja o presidente de turno, o sistema capitalista é o mesmo. A cada mudança de administração são realizados reajustes, provocados mais pelo ego de cada presidente, porém a Operação Condor é a mesmas, não se move de lugar, está instalada de forma permanente. O que ocorre são reajustes de acordo ao tabuleiro político do neoliberalismo e do progressismo na região. Ilka Oliva Corado* As atividades de Trump…

Guatemala: Nem com água benta se limpam as manchas

Só se pode melhorar a imagem governamental adotando as decisões corretas. Carolina Vásquez Araya* A campanha de imagem que o governo da Guatemala contratou de uma empresa estrangeira, na realidade é uma medida desesperada para manejar à grave crise de credibilidade da atual administração. Aparentemente, trata-se de uma estratégia para consolidar laços entre o governo e as instâncias legislativas estadunidenses, além de maquiar a pálida imagem oficial, mas revela taxativamente…

Curuguaty: Após 5 anos, paraguaios retomam luta por Justiça

0

Manifestantes condenam desgoverno Cartes e defendem imediata libertação dos presos políticos. Leonardo Wexell Severo, de Assunção especial para Diálogos do Sul* “Camponês sem terra não é camponês. Queremos plantar feijão, mandioca e milho, para que todos tenham o que comer. Graças às pessoas que nos apoiam frente à injustiça, não conseguiram e nem conseguirão matar nossos sonhos. Nós somos presos políticos e queremos que vocês sejam nossos porta-vozes”. A carta-exortação…

Trump/Cuba: Discurso demagogo e idiotizado quando o rabo está preso

Trump em Miami fez o discurso idiotizado, demagogo e notadamente midiático, para desviar a atenção de seu rabo preso com suas ações de impedir as investigações internas, que vem sendo realizadas pelo Congresso Americano e que poderá leva-lo ao Impeachment. João Vicente Goulart* Em um ambiente altamente favorável as suas bravatas, com exilados anticastristas em Miami, Trump declara cancelado o acordo EUA-CUBA, realizado pela administração anterior de Barack Obama. Retoma…

Cracolândia: Viciados não se combate com repressão

Fico preocupado com o ser humano quando ouço coisas do tipo “Bêbado e Drogado não prestam. São todos bandidos. Deviam ser presos”, etc, etc, entre outras bobagens. Roberto Casseb* Conheço alcoólatras, usuários de drogas, já fui a reuniões dos Alcoólicos Anônimos, visitei centros de recuperação de usuários de drogas, ouvi histórias tristes e a luta dessas pessoas para saírem desse buraco negro. O fato é que o vício é uma…

Resistir, resistir, resistir

0

Teria sido tão fácil para a Cristina no dia seguinte ao fim do seu mandato agarrar suas coisas e viajar para o exterior; já havia cumprido o que lhe correspondia como chefe de governo. A mesma coisa podia ter feito Dilma quando lhe deram o golpe de Estado, o que era mais fácil: ir embora sem olhar para trás. Mas ficaram e não para estar de braços cruzados, a mesma…

Fernando Haddad: A versão dos fatos

0

O longo artigo que o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, publicou na revista Piauí sob o título “Vivi na pele o que aprendi nos livros” (1) merece ser lido e comentado, pois suscita diversas questões. Ricardo Carlos Gaspar* Em primeiro lugar, pois Haddad figura entre as novas e promissoras – infelizmente escassas – lideranças do país. Sua postura pública tem se pautado pela seriedade, consistência e compromisso democrático. Em segundo…

Um laivo de esperança no Peru

A crise do socialismo nos anos 1990 trouxe catastróficas consequências em todos os países. O Peru não foi uma exceção. Surgiram vozes, inclusive no interior das filas do PCP que asseguraram que o Partido Comunista tinha sido “criação de Ravines”, a quem consideraram o expoente do “seguidismo”. Gustavo Espinoza M.* Reivindicaram então que a crise nos obrigava a “voltar à Mariátegui” -que tinha denominado a organização política por ele criada…

Os indocumentados na administração Trump

0

Qualquer forma de lucrar a custas do suor dos imigrante indocumentados é uma pechincha. É um negócio rentável como o de tráfico de pessoas para exploração sexual, trabalho escravo ou tráfico de órgãos. Por isso são os que mais sofrem, são os párias. Quem os defende? Ilka Oliva Corado* É uma ingratidão o que fazem os meios de comunicação ao aterrorizar os indocumentados agora que Trump está presidente de Estados…

Economia Verde: O sub prime ambiental

Nenhum problema pode ser resolvido pelo mesmo estado de consciência que o criou. É preciso ir mais longe. Eu penso 99 vezes e nada descubro. Deixo de pensar, mergulho num grande silêncio e a verdade me é revelada. (Albert Einstein) Amyra El Khalili* O sistema financeiro internacional está em crise, enfrentando sérios problemas de credibilidade por fraudes e corrupções denunciadas desde 2008 com o escândalo do sub prime, com a…

Democracia ou Plutocracia?

Plutocracia, segundo o Aurélio 1 – Poder da riqueza e do dinheiro 2 – Dominação dos homens ricos Democracia, no mesmo dicionário 1 – governo em que o povo exerce a soberania, direta ou indiretamente 2 – Partido democrático 3 – O povo (em oposição a aristocracia) Ditadura – 1 – governo de ditador. 2 – Absorção do poder legislativo pelo poder executivo Paulo Cannabrava Filho* Na história do Brasil…

O controle versus o descontrole dos negócios públicos

Os residentes no Brasil estão horrorizados com os vergonhosos escândalos e a roubalheira dos políticos brasileiros. Profa. Guilhermina Coimbra* Os políticos brasileiros demonstraram em cadeia nacional e internacional – exibida pelas TVs brasileiras para o mundo – a forma como vêm ocupando o tempo de trabalho nas respectivas legislaturas. Quase sem exceção, fazem conchavos, pactos, acertos, como modo e formas de se locupletar – cada vez mais – fora dos…

A difícil reinvenção da democracia frente ao fascismo social

Entrevista especial com Boaventura de Sousa Santos Ricardo Machado* A democracia tornou-se uma daquelas palavras vazias de sentido. Como é usada para descrever tudo aquilo que não é um regime político autoritário, tendemos a não ver os tons de cinza entre o branco e negro. “Para uns, a democracia realmente existente está de tal modo descaracterizada que só por inércia ou distração se pode considerar como tal. Vivemos em regimes autoritários…

Eleitores jovens se afastam da democracia tradicional

0

Em quase todos os países os eleitores mais jovens não comparecem às urnas, isso cria as distorções que elegeram Donald Trump nos EUA e retiram a Inglaterra da União Européia Roberto Savio* Após a votação do Brexit, milhares de jovens protestaram nas ruas de Grã-Bretanha expressando seu desacordo em sair da União Europeia. No entanto, segundo as pesquisas, se os jovens fossem em massa às urnas, e não apenas 37%…

A esquerda confusa

0

Existe na América Latina uma esquerda confusa. Antes das eleições presidenciais no Equador, essa mesma esquerda reafirmava que o ciclo progressista estava por chegar ao fim. Amauri Chamorro* São os mesmo que saem de perto na hora de defender o legítimo governo do presidente Nicolás Maduro que está a enfrentar uma nova ofensiva da direita assassina Venezuelana. A esquerda confusa é resultado do aburguesamento das direções, a absoluta falta de…

O Planeta não cabe no Mundo de Trump

Sim, o “Planeta não cabe no mundo de Trump”! João Baptista Pimentel Neto* – com a fundamental colaboração da arte e do ativismo de Vanderlei Dos Santos Catalão (tt Catalão). Foi uma semana marcada por fatos que comprovam definitivamente que “O planeta não cabe no mundo de Trump”. É isso ao menos que indicam as reações nacionais e internacionais às atitudes e patetices verbais praticadas por Donald Trump. De Pittsburgh à Tóquio. De Bonn…

A cultura do verbo

Que fácil é opinar para resguardar a si próprio e despedaçar o alheio. Carolina Vásquez Araya* Uma das minhas experiências mais dolorosas foi observar através da televisão as horrendas cenas em que aparecem os corpos queimados de 41 meninas em um refúgio para menores administrado pelo Estado da Guatemala. Então eu penso em quem viveu de perto, nesses policiais e monitores parados em frente às portas da sala em chamas,…

Um “Keffiyeh” para o líder indígena Ninawá Huni Kui

Fere a cabeça da víbora com o punho de seu inimigo. Disto necessariamente te resultará num bem: se o inimigo vencer, a víbora morrerá. Se a víbora vencer, terás um inimigo a menos!” Provérbio beduíno Amyra El Khalili* Deixei uma parte de mim no estado do Acre, quando coloquei sobre o ombro do grande líder indígena Ninawá Huni Kui um Keffiyeh (lenço beduíno) durante a conferência que proferi  a convite do  Conselho…

Miguel Urbano Rodrigues, 02/08/1925 – 27/05/2017

ODiario.info comunica aos seus leitores e amigos a morte do seu fundador e editor Miguel Urbano Rodrigues. Nascido em Moura, Alentejo, em 1925, filho de pai jornalista e escritor, no seio de uma família de agricultores abastados de tradição republicana, experimentou a implantação da ditadura do “Estado Novo”, enquanto colhia a influência e inspiração das gentes insubmissa de sua terra. Miguel Urbano Rodrigues cursou a Faculdade de Letras de Lisboa.…

PSDB, PMDB: o enroque de proteção ao rei

O movimento no tabuleiro de xadrez feito através do enroque, possibilita ao jogador movimentar duas peças em uma jogada só, protegendo o “rei” no canto esquerdo do tabuleiro de xadrez. João Vicente Goulart* Serraglio, apesar de completamente inoperante como ministro, foi sacrificado, ou melhor diríamos premiado para um novo ministério, a CGU (Controladoria Geral da República), de onde Temer traz o novo jurista, o senhor Torquato Jardim; não se sabe se…

A verdade atrás de uma máscara

“Todos os truques para dissimular, enganar ou convencer, revelam uma mentira.” Carolina Vásquez Araya* Quando um governante se sente encurralado pelo fracasso de sua gestão, sua primeira reação é insultar, atacar ou ameaçar a Imprensa e depois -como um ato absolutamente contraditório- buscar apoio de especialistas em estratégias de comunicação para iniciar uma campanha capaz de restaurar sua empobrecida imagem pública. E onde realiza essa campanha? Obviamente através dos mesmos…