Lourdes Pérez Navarro * 

cira-garcia-clinica-central_1Experiência profissional e no serviço, e atenção a todas as especialidades clinico-cirúrgicas, com o emprego de modernas tecnologias, caracterizam o desempenho da Clínica Central Cira García, instituição pioneira do turismo de saúde em Cuba.

Há mais de duas décadas, este centro, localizado em Havana, constitui o único hospital clinico-cirúrgico do país destinado completamente à atenção a estrangeiros em todas as especialidades, destacando-se ortopedia, traumatologia e cirurgia estética, informou a Prensa Latina a vicediretora médica, doutora María Antonieta González Piloto.

A Clínica dispõe de áreas de diagnóstico equipadas com tecnologia de ponta: laboratório clínico, de anatomia patológica, microbiologia e fisiologia aplicada, além de um importante departamento de imageologia, atenção médica de urgências, que funciona durante 24 horas por dia, serviço estomatológico e de medicina física e reabilitação.

Conta com três salas de cirugia maior com procedimentos endoscópicos, e seções de anestesia e reanimação pós anestésica, a que se soma um departamento de Cuidados Progressivos, com terapias intensiva e intermediária.

Os pacientes têm a sua disposição um confortável bloco de hospitalização, com quartos privativos e suites dotadas de cama eletrônica, com possibilidades de oxigênio direto e aspiração central, equipamento para incapacitados, climatização, intercomunicação com posto de enfermaria, telefonia local e internacional e serviço de internet.

“Aqui se atende a todas as especialidades cirúrgicas, algumas com pessoal médico próprio da instituição, enquanto que, para outras, com menos demanda, recorremos a profissionais de prestígio de outros institutos, o que funciona como um sistema de colaboração”, relatou González Piloto.

“Realizamos intervenções cirúrgicas pioneiras, como a instrumentação dinâmica em cirugia de coluna vertebral, discectomia lombar e fusão com PLIF, TLIF e ALIF, e próteses de discos cervicais, coisas novas no que se refere à ortopedia, sendo esta e a cirurgia estética as especialidades que têm maior demanda – e com muito bons resultados”, garantiu.

Quanto à cirurgia plástica, dividida em reconstrutiva ou reparadora e estética ou cosmética, praticam-se mais de 40 tipos de operações, entre elas eliminação de pele e de gordura nas pálpebras, estiramento de rugas no rosto, na testa, entre as sobrancelhas, pescoço e orelhas; redução ou aumento do volume dos seios e eliminação de gordura do abdômem, nádegas, coxas e quadris.

clínicaEm média, a “Cira García” recebe cada ano pacientes procedentes de 84 nações e realiza cerca de duas mil internações, enquanto mensalmente atende cerca de mil pessoas nas consultas externas. Além da América Latina e do Caribe, os países que mais frequentam as instalações de turismo de saúde da ilha caribenha são Angola, Canadá, Estados Unidos e Espanha.

“Recebemos o estrangeiro que visita Cuba como turista e aproveita para cuidar de problemas de saúde, ou então aqueles que, conhecendo os avanços da medicina cubana, escrevem, interessando-se pelos serviços que prestamos”, relatou a vice-diretora médica.

A isto se soma o alto nível de satisfação do cliente quanto ao trabalho médico e de enfermagem, que supera 98%.

“O parâmetro para medir nossas principais conquistas é a satisfação do cliente no que se refere à atenção que recebe e, sobretudo, o fato de sermos uma das entidades do país certificada com as Normas ISO 9001 de 2008 pelo Escritório Nacional de Normalização, e pela companhia internacional Bureau Veritas, o que mostra que a qualidade de nossos serviços se enquadra nos parâmetros internacionais”, disse a especialista.

Estas conquistas do turismo de saúde em Cuba, obtidas por entidades como a Clínica Central “Cira García”, o Centro Internacional de Saúde La Pradera e o Hospital “Hermanos Ameijeiras”, entre outros, foram exibidos na ExpoSaúde Equador, evento que aconteceu em Quito, de 28 a 31 de maio.

Cuba tem um desenvolvimento importante na saúde, é um destino seguro como país devido à tranquilidade que nossa sociedade oferece, conta com profissionais preparados e oferece serviços com preços competitivos na região, concluiu González Piloto.

*Prensa Latina, de Havana para Diálogos do Sul