Dialogando

Vincent Carelli e o martírio dos Guarani Kaiowá

O significado de martírio é definido pelo dicionário de La Real Academia Española como morte, tormento, dor, sofrimento físico ou moral de alta intensidade, trabalho longo e penoso. O filme de Vincent Carelli nos mostra precisamente tudo isso materializado na aldeia Guarani Kaiowá, do modo que se encontram há décadas, para não dizer séculos, em pé de guerra para defender…

Read More

Chico Buarque e a Revolução dos Cravos

“Tanto Mar” foi composta por Chico Buarque de Hollanda para homenagear o 25 de Abril de 1974, a Revolução dos Cravos, em Portugal. João Baptista Pimentel Neto* Enquanto o Brasil completava uma década (das duas que viveu) sob o regime da ditadura, em Portugal, o Estado Novo ditatorial instituído por Salazar (à época comandado por Marcelo Caetano) era derrubado. A…

Read More

Passeios pela água doce

0

A Terra é azul! exclamou o astronauta Yuri Gagarin ao avistar, do espaço, nosso planeta. Azul porque 3/4 do planeta são água. No entanto: menos de 3% de toda água da Terra é doce. Boa parte da água doce está em lugares de difícil acesso: calotas polares e subterrâneos. Adivinhou? A água doce é um tesouro! Fernanda Pompeu* 1 Água…

Read More

O efeito curador da arte

Uma infância carente de contato com disciplinas artísticas terá como resultado adultos incompletos. Em toda escola se deve ensinar arte, inclusive nas mais distantes do desenvolvimento. Carolina Vásquez Araya* Escrever, pintar, cantar, tocar um instrumento musical ou executar um passo de dança são formas de comunicação essenciais para o ser humano de qualquer lugar, etnia ou condição. É simplesmente uma…

Read More

Há 56 anos da vitória de Girón

0

A liberdade e o futuro do povo cubano estavam em jogo nas areais de Playa Girón, há 56 abris, quando Cuba esmagou, numa contra ofensiva relâmpago, a operação melhor preparada por Washington contra a América Latina. Marta Denis Valle* Nunca desaparecerá da vida cotidiano dos cubanos o significado da Vitória de Girón, em 19 de abril de 1961, sem a…

Read More

Que outro mundo é possível?

0

O lema do V Fórum Social Mundial: “Outro mundo é possível” se agita no panorama da história, hoje, como uma formidável bandeira de esperança. Atrás dela as multidões vindas de muitas partes do mundo, marchando pelas ruas de Porto Alegre, animadas por um entusiasmo contagiante. Jorge Rendón Vásquez* Ali se entretiveram em mais de duas mil atividades distribuídas em onze…

Read More

Atualidade de Mariátegui

Em Lima tinham-me falado da importância de Mariátegui. Miguel Urbano Rodrigues* Dias depois, no Cusco, entrei numa livraria e vi numa estante os Siete Ensayos de Interpretación de la Realidad Peruana. Foi no início de Novembro de 1970. Comprei o livro e comecei a lê-lo no hotel; quase não dormi nessa noite. Senti algo próximo de deslumbramento. Recordo que ao…

Read More

Janaína de Almeida Teles: Esqueço não

Neste mês de abril, o golpe militar de 1964 completa 53 anos. Muito tempo passado, mas também muitas perguntas sem respostas Fernanda Pompeu* Janaína de Almeida Teles, nascida em 1967, tem pedigree político. É filha de Amelinha e César Teles – dois ativistas pelos direitos humanos de longa viagem. Sobrinha da Criméia de Almeida, sobrevivente da Guerrilha do Araguaia. Irmã…

Read More

O Brasil a dois passos de uma verdadeira República

A Constituição de 88 é uma Constituição Republicana. Res publica significa “coisa pública”, do povo, um Estado que é de todos os cidadãos. Roberto Requião* Nossa Constituição Republicana previu para algumas categorias de funcionários públicos e parlamentares privilégios imperiais, o tal do foro privilegiado. No Brasil, ao contrário das “pessoas comuns”, promotores, juízes, parlamentares e governadores só podem ser julgados…

Read More

Guatemala: A bolha por trás das grades

As constantes crises que atualmente ocorrem na Guatemala trazem reminiscências de passadas ditaduras. Carolina Vásquez Araya* É muito lindo viver em democracia. Ter a suficiente liberdade de pensamento para opinar abertamente sobre qualquer coisa, desde uma banal piada até os temas profundos da sociedade; caminhar pelas ruas sem medo de sofrer uma morte não programada na agenda do dia e sobretudo…

Read More

Pós-Rio+20 – Reflexões sobre a “comoditização” dos bens comuns

A palavra inglesa commodities vem sendo usada há anos nos jornais e cadernos especializados em notícias econômicas, mas pouco se sabe efetivamente o que são commodities. Sempre grafada no plural -commodities- e raramente no singular -commodity-, após a Rio+20, a palavra-expressão tornou-se vedete dos debates socioambientais que a utilizam tanto no plural quanto no singular para se referir à “comoditização” dos…

Read More

Textos longos aumentam fidelização dos leitores

Entre as notícias, informações e fofocas da violenta investida digital, o que as audiências online mais valorizam pode ser surpreendente: matérias longas, cobertura aprofundada e investigação jornalística que ofereça novas perspectivas. Scott R. Maier* Essa é a conclusão de um estudo recente que avaliou um conjunto pioneiro de análise de mídia usado pelo Instituto de Imprensa Americano [American Press Institute-API]…

Read More

A impunidade dos frigoríficos contra a saúde pública

0

“Verônica Benitez (41 anos), Casimiro Bordon Ibanez (55) e Elton Ferreira da Silva (26) são funcionários da JBS Friboi em Campo Grande, capital do Mato Grosso do Sul. Em comum, além da convivência com a dor, alavancada pelas lesões por esforço repetitivo, um desejo enorme de justiça. Leonardo Wexell Severo* “Se não tão grande, pelo menos à altura da maior…

Read More

“A Crise Que Não Sai nos Jornais”

Um dos principais argumentos dos setores conservadores e do oligopólio mediático para a destituição da presidenta Dilma Rousseff foi a urgência de buscar uma saída para a crise econômica. Seis meses depois, as promessas do governo liderado por Michel Temer e o otimismo apregoado pelos grandes meios de comunicação parecem ter fracassado: a crise só agrava. Discutir este cenário é…

Read More

Álvaro Lins

Encontrei pela primeira vez Álvaro Lins em São Paulo, em l960. Tinha-lhe escrito quando ele era embaixador em Lisboa e concedera asilo ao general Humberto Delgado. A decisão, tomada sem consulta a Brasília, desagradou ao Governo de Juscelino Kubitschek e enfureceu Salazar. Miguel Urbano Rodrigues* A sua resposta à minha carta comoveu–me. A empatia, quando o abracei pela primeira vez, foi…

Read More

Meio século depois: Tolstoi e a Revolução

Percorrendo a estrada de muitos rencontros com autores que descobri na juventude, reli nas últimas semanas O Caminho dos Tormentos, de Alexei Tolstoi. Miguel Urbano Rodrigues* Lido em Conakry em l961, provocou em mim o terremoto interior que infletiu o rumo da minha vida. O choque emotivo e ideológico desencadeado pela trilogia de Alexei Tolstoi conduziu-me à opção comunista e…

Read More

Guila Flint morre aos 62 anos

Expatriada, em 1969. em Israel pela ditadura militar no Brasil, Guila Flint era colaboradora do Opera Mundi em Israel e cobria assuntos do Oriente Médio, principalmente sobre o conflito israelense-palestino, há mais de 20 anos. A jornalista brasileira Guila Flint, expatriada em Israel em 1969, morreu na madrugada neste domingo (26/03), às 2h, em consequência de uma doença. O enterro…

Read More

Carnaval de Oruro no México

Para muitos bolivianos o documentário de Sérgio Sanjinés “El carnaval de Oruro en Iztacalco” será uma revelação, como foi para mim. Alfonso Gumucio* Quem poderia acreditar que em um bairro dos mais tradicionais e antigos da gigantesca Cidade do México, seus habitantes organizam há mais de vinte anos uma versão do carnaval de Oruro e o fazem com uma devoção surpreendente…

Read More

Teixeira Gomes e o envelhecimento

“E a parte mais dolorosa da senilidade consiste em assistir, consciente mas impotente, à nossa própria ruína mental! (…) a vista já muito mal me serve e a minha memória é um vidro transparente onde logo se apaga tudo quanto nela se reflete”. Miguel Urbano Rodriguez* São palavras de Teixeira Gomes, anotadas em 1938 no quarto do hotel em Bougie…

Read More

“Pátria” jornal de José Martí publicado nos EUA

Três lustros da vida do herói nacional cubano José Martí, transcorreram nos Estados Unidos, onde desenvolveu a maior parte de sua fecunda obra política e intelectual em fins do século XIX. Diony Sanabia* Nos EUA, cuja sociedade soube auscultar como poucos, preparou uma guerra contra o colonialismo espanhol e saiu para guerrear em sua pátria com armas nas mãos como…

Read More

Hugo Chávez e os peruanos

Há quatro anos, em 5 de março de 2013, os povos de nosso continente sofreram uma imensa perda: faleceu o comandante Hugo Rafael Chávez Frias, uma das figuras mais destacadas do processo emancipador latino americano e, talvez, seu principal inspirador. Gustavo Espinoza M.* Sua vida, foi um atuar constante e suas ideias e realizações políticas sensibilizaram o continente polarizando as…

Read More

Poderosas Mulheres

“Escuta, formosa filha do amor, as instruções da prudência, e permite que os preceitos da verdade penetrem profundamente em teu coração, assim os encantos de tua mente darão brilho à elegância de suas formas, e tua beleza, como a rosa a qual se assemelha, conservará sua doçura mesmo depois de murchada”. Olavo Câmara* Portanto, você mulher, mãe e amiga receba…

Read More

Le fil rouge – Una saga revolucionária

LE FIL Rouge** (O Fio Vermelho) é uma saga. Apresenta-se como romance, mas enquadra-se mal nesse gênero literário. Miguel Urbano Rodrigues* Gilda Landino Guibert escreveu um poema revolucionário em prosa que projeta os leitores para cenários de luta pela liberdade e pela transformação do mundo. O sujeito é simultaneamente individual, uma família, e coletivo, os italianos de aldeias da Toscana…

Read More

Os futuros líderes

As debilidades do sistema marginalizam e condenam a infância. Carolina Vásquez Araya* Imagine que nasceu onde a maioria das meninas e meninos neste planeta: uma choça humilde com chão de terra e um teto que sai voando a cada inverno. Uns pais frustrados, cansados e carentes das ferramentas educativas capazes de oferecer uma saída aos seus múltiplos problemas. Um sistema…

Read More

E as deportações realizadas pelo México?

0

As recentes rodadas de indocumentados nos Estados Unidos despertaram o interesse dos meios de comunicação, mas não porque se importem com os direitos humanos dos indocumentados, nem com as denúncias de abuso; fazem isso porque é pão quente e notícia fresca que pode ser aproveitada para uma infinidade de objetivos. Ilka Oliva Corado* Mas este aproveitamento não vem apenas dos…

Read More

As migrantes em trânsito

0

Saem de suas casas: em municípios, aldeias, casarios, arrabaldes… sem rumo fixo, como folhas secas arrastadas pelo vento, mortas em vida, caluniadas, golpeadas, abusadas, rechaçadas e estigmatizadas. Ilka Oliva Corado* Pouco se sabe delas: são invisibilizadas, o Estado as marginaliza, a sociedade as exclui, o classismo, o racismo e os resquícios do patriarcado. Seu país as obrigam ao abandono e…

Read More

Foi embora nosso Pablo Piacentini

Em homenagem ao jornalista Pablo Piacentini, que morreu em Roma em 1o de março, publicamos trechos de algumas das inúmeras mensagens que nos chegaram e que comprovam a importância de sua trajetória profissional que deixa um legado de profundo significado histórico e moral para os profissionais da comunicação e do jornalismo. Para Diálogos do Sul isso tem um significado especial posto…

Read More

A feminística de mulheres e homens pela Paz

A expressão “feminística” foi concebida em 8 de março de 2006, no Dia Internacional da Mulher. Foi numa mesa-redonda em torno de “Questão de Gênero”, durante o I Fórum da Cidade de São Paulo – Objetivos do Milênio (ODM), realizado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e pela Câmara Municipal da capital. A inspiração veio de uma…

Read More

Villa-Lobos e a música brasileira

0

Heitor Villa-Lobos foi o principal responsável pela descoberta de uma linguagem peculiarmente brasileira em música de arte e o maior expoente musical do modernismo brasileiro. Carlos Russo Junior* Carioca, nascido em 3 de março de 1887, filho de Raul Villa-Lobos, um músico amador, foi  ele quem lhe deu as primeiras instruções e adaptou uma viola usada para que o pequeno…

Read More

Os intocáveis do Peru

No filme estadunidense de Brian de Palma, baseada numa novela publicada em 1957, “Os Intocáveis” constituíam uma equipe especial de agentes escolhidos por seu valor e por ser incorruptível. Eles foram organizados por Eliot Ness e sob seu comando resolveram acabar com a máfia de Al Capone, que operava em Chicago nos anos 1920, no século passado. Gustavo Espinoza M.*…

Read More

Saúde ao meu pai: De filhas e pais

0

A última vez que eu o vi, me disse meu paizinho: “Preta, eu vou morrer”. Fria e direta como é natural em mim, eu respondi sem sentir pena: “paizinho, não fique chateado, todos nós vamos morrer”. Quase um mês depois ele faleceu, a notícia nos chegou de longe, na diáspora, a milhares de quilômetros da Guatemala, há apenas cinco dias.…

Read More

Valeu, Raduan

0

em meu ultimo esforço d lucidez coercitiva – a alguns minutos antes d mergulhar na anarcogreve geral d momo – tt.Catalão* recorro aos mentores do éterespaço para uma conversa ectoplasmática com Camões (involuntariamente citado na premiação d Raduan sob constrangedor laudatório golpista)… eis o recado do mestre a Raduan Nassar o escritor q não se calou (raro) e o…

Read More

A construção da ignorância sobre a Petrobras

Quem pensa que a Petrobras está quebrada, que a produção do pré-sal é lenta, que o pré-sal é um mico e não tem valor ou que a exportação de petróleo por multinacionais pode desenvolver o Brasil, está sendo enganado. É vítima da ignorância promovida pelos empresários da comunicação, políticos e executivos à serviço das multinacionais do petróleo e dos bancos. Felipe Coutinho*…

Read More

Equador: Especulações midiáticas uma forma de violência

0

O diário Expreso do Equador publicou, na terça-feira 13 de fevereiro, novamente uma reportagem “Sem”. Sem citar nomes, sem apresentar provas, sem entrevistar os supostos corruptos que integrariam um novo esquema de corrupção no governo da Revolução Cidadã. Tal qual a pantomímica novidade sobre a lista da Odebrecht, o ridículo de entrevistar o ex ministro foragido Carlos Pareja Yanuzzelli, que…

Read More

Em Paris pela última vez

Quando alguém tem uma profunda consciência histórica -como é o caso de Miguel Urbano- mesmo as reflexões mais íntimas e pessoais têm o cunho não apenas de um ser humano individual, mas o de um tempo comum. A sua história pessoal nunca foi e nunca é apenas pessoal. Miguel Urbano Rodrigues* Mais de uma vez ao longo da minha extensa…

Read More

É tempo das mulheres no setor rural

Uma caribenha, Josefina Stubbs, pode se converter na primeira mulher a presidir o Fundo Internacional de Desenvolvimento Agrícola (Fida), cuja missão é erradicar a pobreza rural. O Fida é um órgão da Organização das Nações Unidas (ONU), criado em 1977 como instituição voltada ao investimento para beneficiar camponeses e camponesas pobres, que representam três quartos da pobreza e da subnutrição…

Read More

Lucinha e As caras da violência

0

Maria Lúcia da Silva, a Lucinha, não transita pelos movimentos feminista e negro em brancas nuvens. Muito ao contrário. Ela é o tipo de pessoa que faz e reflete. Reflete e faz. Psicoterapeuta, especialista em mediação e trabalhos em grupos, com recortes de raça e gênero. É uma das fundadoras do Instituto AMMA – Psique e Negritude, ONG que trabalha…

Read More

A democracia em xeque: por uma agenda para América Latina

Não há dúvida de que vivemos tempos de grandes ameaças às conquistas democráticas que América Latina acumulou ao longo dos últimos anos, desde o início do século XXI. A um ciclo de expansão da participação social em projetos políticos populares, de ampliação do gasto público em políticas sociais (mesmo quando não se avançou em mudanças econômicas estruturais) e de importantes…

Read More

Miguel Urbano Rodrigues: Istambul, cidade mágica

Tenho dificuldade em encontrar palavras para expressar o que senti ao chegar a Istambul pela primeira vez. A cidade, fundada há 25 séculos, fascinou-me. Transcorrido mais de sessenta anos, Istambul continua a ser para mim enfeitiçante. Miguel Urbano Rodrigues* Voltei agora em fevereiro para mais uma despedida. Passaram apenas cinco anos desde a última visita. A primeira surpresa foi rever Santa…

Read More

Os irresponsáveis no poder: desmontando o conto da dona de casa

0

Você provavelmente se sente perplexo frente à situação econômica do país. Está em boa companhia. Quem é que entende de resultado primário, de ajuste fiscal e outros termos que povoam os nossos noticiários? Ladislau Dowbor* A imensa maioria balança a cabeça de maneira entendida, e faz de conta. Pois vejam que realmente não é complicado entender, é só trocar em…

Read More

Jose Martí convive com a fraternidade no México

O jovem cubano Jose Martí (1853-1895) encontrou no México um lar, amor, fraternidade e apoio à luta independentista que seu povo travava contra o jugo colonial espanhol, luta a qual ele estava totalmente engajado. Paralelamente a vida social vinculada a luta de seu povo, ele desenvolveu um intenso trabalho jornalístico e literário nesse país. Mayra Pardillo Gómez* Em 28 de…

Read More

Jose Martí e seus amigos venezuelanos

Depois de 12 dias de viagem, em 20 de janeiro de 1881 o líder independentista cubano Jose Martí chegou a Caracas. Na breve permanência de seis meses – abandonou o país apressadamente em julho do mesmo ano por diferenças com o então presidente Antonio Guzmán Blanco- o já consolidado poeta e jornalista cultivou profunda amizade com figuras relevantes da intelectualidade…

Read More

A desconstrução da Regularização Fundiária no Brasil

Organizações e movimentos lançam carta para impedir retrocessos previstos pela MP 759, o novo marco legal da regularização fundiária Desde dezembro as conquistas dos últimos 30 anos relacionadas à regularização fundiária no Brasil estão sob risco de serem extintas. Isso porque no dia 22 de dezembro o governo federal editou a Medida Provisória 759 (MP 759), que viola os marcos…

Read More

Trump: O fascismo continua sendo o fascismo

Por conta de uma análise nossa que circulou dia 23 de janeiro pela Internet, com título “Donald Trump e Adolf Hitler”, alguém comentou que isso era um anacronismo, uma comparação um tanto quanto arbitrária. Pois bem, vamos aprofundar um pouco no tema, inspirados nos primeiros decretos do novo Manda-Chuva gringo. Néstor Francia* Naquela análise advertimos: “o discurso de posse de…

Read More

A unidade dos revolucionários em Lenin e Mariátegui

Já faz 93 anos, em 21 de janeiro de 1924 morreu Vladimir Ilich Lenin. Vale recordá-lo  durante a celebração do centenário da Revolução Socialista de Outubro porque Lenin não morreu nessas circunstâncias mas sim vive no coração e na consciência dos povos. Gustavo Espinoza M.* Ao iniciar esta homenagem, cabe evocar a circunstância em que Lenin chegou até nós, peruanos.…

Read More

Papa pede boas notícias aos comunicadores

Mensagem do Papa Francisco para a 51a Jornada Mundial das Comunicações Sociais: Comunicar esperança e confiança em nossos tempos. “Não temas, que eu estou contigo” (Is 43,5) Graças ao progresso tecnológico, o acesso aos meios de comunicação possibilita a muitas pessoas ter conhecimento quase instantâneo das notícias e divulgá-las de forma capilar. Estas notícias podem ser boas ou más, verdadeiras…

Read More

Roberto Savio “A imprensa tem perdido poder e dignidade”

0

Entrevista a Roberto Savio, jornalista e analista político italiano. Cristian Cabalin* Em 1964 fundou a Inter Press Service (IPS), uma das agências de notícias mais reconhecidas do mundo. Na agência Savio acompanhou os acontecimentos mais relevantes da história recente, enfatizando a necessidade de estender as fronteiras da comunicação, reivindicar a importância do jornalismo e, agora, frear a erupção de movimentos…

Read More

A rota cubana de José Martí

Em 28 de janeiro completou 164 anos do nascimento de um dos homens mais ilustres das Américas, José Martí. As marcas de seu pensamento e de seu caminhar estão ainda frescas em vários lugares de sua terra natal. Jorge Petinaud Martínez* Breve foi sua existência: 42 anos, três meses e 19 dias, dos quais, mais da metade no desterro. Não…

Read More

Pelas sendas de Martí em Cuba e em Nossa América

Em 28 de janeiro comemorou-se o 164 aniversário de José Martí, considerado o pai da pátria em Cuba. Esse personagem singular do século XIX, intelectual e poeta fecundo e profundo, ao mesmo tempo que guerreiro anti-imperialista (vivi no monstro que conheço suas entranhas) e anticolonialista, morreu lutando pela independência de Cuba, deixou uma obra imorredoura que influenciou e continua influenciando…

Read More

Sonegação fiscal é maior que gastos da Previdência

Combate à sonegação é suficiente para cobrir gastos com Previdência, diz especialista. Empresas deixam de pagar cerca de R$ 500 bilhões ao Estado anualmente, mesmo valor gasto na Previdência Social. Evasão fiscal impede que governo tenha acesso a recursos que poderiam ser usados em serviços públicos. Nadine Nascimento* A evasão somada à sonegação fiscal de empresas brasileiras chega a 27%…

Read More

Cabras e ovelhas sustentam vida rural no semiárido

Ovelhas e carneiros conseguem se alimentar na Caatinga, bioma exclusivo do semiárido brasileiro, com sua vegetação aparentemente seca, após cinco anos de chuvas escassas. Mário Osava* “Quando eu era criança, as chuvas eram regulares, suficientes para a pecuária, que era forte aqui. As pessoas não gostavam de criar cabras e ovelhas”, recordou José Neto da Silva Costa, camponês de…

Read More

Eike Batista: O crime do colarinho é branco

0

Quantos Eikes o povo carrega sem saber? tt Catalão* onde vai dar esse bonde? pra cada eike pego uma rede de eikes se esconde O crime do colarinho é branco pois é: na terra em q os infames porões dos navios negreiros se multiplicam em prisões infectas, injustas e desumanas…. …saibam q o perfumado crime bilionário do colarinho É BRANCO:…

Read More

Meu crime: Educar para a liberdade

0

O pensamento de Rousseau constitui, sem dúvida, um dos marcos mais importantes da ilustração. Não em vão O Contrato Social se converteu em uma das obras mais lidas depois da Revolução Francesa. No entanto, esse ensaio foi eclipsado por Emílio (1762), que gozou de grande popularidade em sua época. Este escrito sobre educação escapa a uma fácil classificação em um gênero concreto. É…

Read More

Papa Francisco adverte: a Palestina já é um Estado

O Papa Francisco adverte a Trump e Netanyahu e coloca um marco. Poucos dias antes da posse do novo presidente estadunidense, Donald Trump, o pontífice recebeu o líder palestino Mahmoud Abbas por ocasião da abertura da Embaixada da Palestina junto à Santa Sé, no dia 14 de janeiro. Um sinal claro de política internacional em vista da imprevidente decisão anunciada por Trump de querer transferir a embaixada dos Estados Unidos em Israel…

Read More

Base Aeroespacial de Alcântara: A Constituição brasileira proíbe a venda de território

A Folha de São Paulo, em 15.1.2017 informa que o Presidente Temer – logo ele, um professor de Direito Constitucional – está pretendendo entregar para não-nacionais brasileiros a Base Aeroespacial de Alcântara, através do famigerado Acordo Sardenberg. Profa. Guilhermina Coimbra* A Base Aeroespacial de Alcântara não está à venda. A Base Aeroespacial de Alcântara não pode estar à venda. A…

Read More

Trump na Casa Branca

«Hoje é primeiro dia da III Guerra» #MundoDeTrump Essa a manchete do artigo de Nicolau Santos que abriu ontem a edição do jornal português «Expresso Curto». O título resume bem a histeria coletiva dos media europeus horas antes de Donald Trump tomar posse como presidente dos Estados Unidos. O discurso de Trump, muito breve, foi uma peça oratória de estilo…

Read More

Arturo Corcuera III: A vertente ideológica

0

“…um acento pessoal e uma agudeza pouco frequente no encontro do símbolo; assim como também que a linguagem compõe uma textura de muito sutis associações formais e semânticas, e inclusive de elegante humorismo; tudo o que leva luz a um universo poético original, sem desmerecer a postura militante que Corcuera assume diante da realidade.” Alberto Escobar “Fábula do escaravelho” `Fogem-lhe…

Read More

“As Trincheiras de Sergio Magalhães: nacionalismo, trabalhismo e anti-imperialismo”

Roberto Bitencourt da Silva, historiador e cientista político, abriu uma campanha de crowdfunding para levantar recursos para publicar um livro sobre Sergio Magalhães, deputado federal pelo PTB nas décadas de 1950 e 1960. Roberto Bitencourt da Silva* Sergio Magalhães foi deputado federal por três mandatos consecutivos (1955-1964) pelo PTB (Partido Trabalhista Brasileiro) do Rio de Janeiro, então um partido progressista…

Read More

Vai-se o bom Obama, negro por gosto

1

Muitos acreditaram que por ser negro, Obama representaria uma mudança transcendente na política interna e externa dos Estados Unidos, mas o bom samaritano foi negro à toa. Um negro afim ao sistema e tão Ku Klux Klan como a própria Hillary Clinton e Trump. Ilka Oliva Corado* Não há ponto de comparação nem como ser humano, nem como político entre…

Read More

O que representa a condenação de Morales Bermúdez, ex-ditador peruano?

A decisão de uma Corte de Roma que sentencia a prisão perpétua a dois ex presidentes latino-americanos, entre eles o ex-ditador peruano Morales Bermúdez, e vários oficiais das forças armadas de diferentes países de Nossa América, alvoroçou o hospício. O argumento de fundo esgrimido pela justiça italiana foi  a Operação Condor com suas especificidades em prejuízo de cidadãos da Itália…

Read More

Massacre da nação Mapuche na Argentina

Duas centenas de policiais armados com apetrechos de guerra, prendendo as pessoas, batendo nelas, arrastando pelo chão e algemando mulheres, meninos e meninas da pequena comunidade mapuche de Cushamen, circundada em um raio de muitos quilômetros para que ninguém pudesse se aproximar, concretizaram a ameaça que foi divulgada pela imprensa em 09/01). Horacio Verbitsky* Os que pensaram que se tratava…

Read More

Nova geopolítica global: Análises presunçosas

Um grupo dos mais proeminentes cientistas sociais produziu um informe para o poder dos Estados Unidos. Se referia à situação na União Soviética dezenas de anos adiante. Os conspícuos estudiosos detalharam os prós e os contras futuros no país comunista. Não perceberam que ruiria. Muitos poucos doutores em economia previram a crise de 2008. Rómulo Pardo Silva* Não obstante essas…

Read More

A coragem de ser articulista nos EUA

0

Pelo menos uma vez por dia recebo mensagem de leitores que me fazem perguntas como esta: “não posso acreditar que escrevendo como escreve você viva nos EUA; deveria viver na América Latina”. Outros vêem com os dentes arreganhados: “claro, escreve na comodidade dos EUA”. Com isto, ambos os lados procuram desvirtuar minha atitude. Ilka Oliva Corado* Antes me preocupava muito,…

Read More

Escolas ou presídios: o desafio de Darcy Ribeiro

Darcy Ribeiro sempre viu longe e certo. Profeta falou aos peixes e os homens não o ouviram. Poderemos recomeçar, para não ter outros vinte anos perdidos? Luiz Alberto Gómez de Souza* Depois da chacina no presídio de Manaus, “um acidente pavoroso”, no dizer do sempre inapropriado Temer, o governo cambaleante improvisa e fala de construir cadeias, que estarão cada vez…

Read More

Brasil: Saudades do futuro

Seria bem vinda uma nova análise sociológica que pudesse explicar os fatos políticos e as manifestações de rua que ultimamente temos visto eclodir no País. É como se os brasileiros não mais se reconhecem uns aos outros, a luta que se observa parece não ser mais apenas entre o capital e o trabalho, mas entre todos contra todos, uma classe…

Read More

Moniz Bandeira: Um país que politiza a Justiça, acabou

“Para o mundo, o Brasil está na lata do lixo. Um Executivo desmoralizado, composto por políticos altamente corruptos, um Legislativo quase todo vendido e um Judiciário que politiza suas decisões. E ninguém mais tem ideologia”, resumiu Luiz Alberto Moniz Bandeira em entrevista ao GGN; para o cientista político, autor de mais de 20 obras, entre elas “A Segunda Guerra Fria…

Read More

De Eduard Bernstein ao novo reformismo-revisionismo

Após a proclamação do Império Alemão, Bismarck sentiu a necessidade de enfrentar sem repressão a combatividade da classe operária. Foram aprovadas leis que melhoravam sensivelmente a qualidade de vida dos trabalhadores. Miguel Urbano Rodrigues* O Partido Social Democrata alemão-SPD, que era marxista e uma referência para todos os partidos revolucionários da Europa, uma vez legalizado, cresceu muito numa época em…

Read More

No Peru, um debate nauseabundo

É claro que o tema educativo está profundamente enraizado na vida nacional. E que a crise do setor não constitui um elemento superficial nem anedótico. E é claro também que enquanto no Peru sejam aplicadas as “receitas” neoliberais, os problemas no setor não serão seriamente encarados, qualquer que seja o titular da pasta. Gustavo Espinoza M.* Hoje são registrados mais…

Read More

Carolina Vásquez Araya: Do Chile para Guatemala, uma história de lutas

Entrevista a Carolina Vásquez Araya: “para inspirar-se não há melhor entorno que nossos países em crise constante” Quisemos entrevistar outra colunista permanente de nossa mídia, a chilena Carolina Vásquez Araya Vásquez Araya, radicada na Guatemala há vários anos. Pressenza: Em que valores você se formou, quais são para você os temas mais importantes, inegociáveis, que buscam abrir passo através de…

Read More

Onde fica o Brasil

0

qdo se tem milhares d injustas zonas d conforto logo brotam inúmeras zonas d confronto – acorda: não tripudiem sobre a frustração coletiva NÃO ESTÁ TUDO BEM NO BRASIL! tt Catalão*

Read More

Jango, um documentário de Silvio Tendler

No dia que registra os 40 anos da morte do Presidente João Goulart, a Revista e Cinemateca Diálogos do Sul, em parceria com o CreC – Centro Rio Clarense de Estudos Cinematográficos e com a Rede Cidade Livre / Comunicação Comunitária exibe o documentário Jango, do cineasta e documentarista Silvio Tendler. No documentário, Sílvio Tendler narra o governo de João Goulart…

Read More

Mulheres: Cada coisa com seu nome

Um dos maiores obstáculos para o combate da violência contra meninas, adolescentes e mulheres adultas é um vazio conceitual cuja dimensão supera em muito qualquer esforço por desenvolver uma sociedade igualitária. A contraofensiva ante as denúncias de violência de gênero se apoiam em argumentos como “os homens também sofrem violência”, equivalente a comparar duas realidades opostas, uma das quais se…

Read More

Reflexões não ortodoxas sobre a vitória de Trump

Desde a cidade peruana de Cuzco, onde a cultura Inca foi subjugada pelos espanhóis, vendo como o mundo leva inexoravelmente a uma medida diferente da história. Diante da impossibilidade de escrever uma análise extensa, vão algumas observações dispersas. Roberto Savio* Antes é necessário fazer uma introdução. Em qualquer país do mundo, Hillary Clinton teria vencido a eleição depois de ter…

Read More

Os peruanos se perguntam: e Cuba? e Fidel?

Gustavo Espinoza M.* O infausto fato ocorrido na sexta-feira, 25 de novembro, a morte de Fidel Castro, tem dado lugar a numerosas interrogações, comentários, especulações e até prognósticos com relação à Cuba e ao futuro de seu povo. Muitos dos temas abordados tem a ver com preocupações legítimas ou dúvidas razoáveis diante da carência de informação e domínio do tema.…

Read More

Fidel Castro, mais vivo que nunca

0

Em Assunção, regressando de uma longa viagem de trabalho, fui surpreendido pela notícia sobre Fidel Castro. Não posso dizer “sua morte”, tampouco “seu falecimento”… e menos ainda aceito a ideias de alguns comentaristas de que com ele termina a Guerra Fria… na América Latina. Martin Almada* Fidel Castro passou a um outro nível e a força das ideias e a…

Read More

Chegou a vez dos indocumentados (2)

0

Na primeira parte deste artigo tratei de detalhar as razões das migrações forçadas de latino-americanos para os Estados Unidos, nas quais os tratados de livre comércio têm, muito a ver, e as constantes renovações do Plano Condor com suas agendas regionais. Mas, o que acontece com os migrantes que logram cruzar as fronteiras da morte e chegar a este país?…

Read More

Socialismo ou barbárie

O padrão na história das ideias é localizar o Iluminismo no século XVIII, na esteira das grandes descobertas científicas anteriores – Copérnico, Galileu, Newton, etc. A razão mostrará então o funcionamento real da natureza, superando o obscurantismo, superstições e crenças religiosas arraigadas há séculos. Não haveria porque não esperar que a razão bem sucedida para desvendar as leis da natureza…

Read More

Geddel ou Operação Vista Grossa – IPHAN resiste

0

ahh! cultura quem te atura? sempre ela a incomodar o coro dos contentes, logo ela maltratada, contingenciada, desesperada para pagar um edital, atrasada para honrar compromissos com as bases, relegada a segundo plano pelos núcleos duros d decisão dos poderes… tt Catalão* #forageddel …mas aí está ela…na vanguarda contra o cinismo golpista q fica mais explícito a cada dia: uma…

Read More

A farsa do dia de Ação de Graças

1

Não há nada mais falso, mais ruim, mais soberbo nos Estados Unidos que celebrar o Dia de Ação de Graça. É a celebração mais importante depois do 4 de julho, a terceira é o Natal. Ilka Oliva Corado* Amparados numa história falsa, escrita pelos genocidas que invadiram este país e exterminaram os nativos do norte do continente, celebra-se a cada…

Read More

Guatemala: De amos e escravos

Na Guatemala para abrandar as carências e reparar os danos sofridos por grande quantidade de crianças em situação de risco, foram criados os “lares seguros” as casas de recolhimento. Um deles, o Lar Virgem da Assunção, motivo desta reflexão, um estabelecimento destinado a substituir na medida do possível as carências de meninos e meninas abandonados ou privados de seus direitos.…

Read More

Bertold Brecht, Snowden, Assange e Manning

Bertold Brecht foi um dos maiores dramaturgos do Século XX e sua obra ainda é referência para todos aqueles que acreditam que um mundo melhor é não apenas possível, mas necessário. Os casos de Edward Snowden, ex-conselheiro da CIA que revelou a agência de espionagem maciça na internet, do soldado Manning Yankee, que vazou milhares de relatórios secretos do governo dos…

Read More

Pelo Dia Nacional da Consciência Negra

“É um choro de uma raça inocente Que já foi muito contente Pois antigamente Todo dia era dia de índio” ( Versos de Ouça cantado por Baby do Brasil Paulo Cannabrava Filho* Dia 20 de novembro, foi decretado Dia Nacional da Consciência Negra. Cabe lembrar aqui, parafraseando o compositor, que antigamente, e até não tão antigamente, todo dia, toda hora, era…

Read More

Chegou a hora para nós, os indocumentados

0

As migrações de centro-americanos para Estados Unidos tiveram início na década de 1980, quando invadiram o território para aplicar o Plano Condor e a agenda regional das ditaduras e o que chamaram de Conflito Armado interno, mas que na Guatemala deixou um genocídio e terra arrasada. Ilka Oliva Corado* Nesse contexto, milhares se viram obrigados a deixar a América Central…

Read More

Converter indignação social em militância política

0

A atual ofensiva da direita evidencia o fiasco da ideia de somar forças mediante a conciliação com elementos da direita econômica e seus representantes políticos. O que faz recordar que o poder do Estado se busca para vencer a classe dominante, não para dormir com ela. Desenvolver um processo revolucionário implica transformar indignações sociais em movimentos políticos; isto requer a…

Read More

Os direitos humanos e a controvérsia Cuba-EUA

As diferenças no tratamento do tema dos direitos humanos são atualmente um dos elementos mais controversos dentro das conversações entre Cuba e Estados Unidos para a normalização de suas relações. Luis Antonio Gómez Pérez* Há muita gente na ilha que considera que essa questão sequer deveria constar da agenda para a regularização das relações. O tema que sim merece ser…

Read More

Esquerda e nacionalidade na América Latina e Caribe

0

De Bolívar uma sentença para os séculos: “Divididos seremos fracos, menos respeitados… a união fará nossa força e seremos todos formidáveis”. No livro “Esquerda e nacionalidade na América Latina e Caribe”, lançado em Porto Rico por Nils Castro, pensador panamenho e colaborador de Diálogos do Sul. Rubén Berríos Martínez* Neste livro, Nils Castro coloca a serviço dessa grande verdade seu…

Read More

Não será fácil para Trump nem para os EUA

Eu acreditava que Hillary Clinton ganharia as eleições e escrevi isso assim que confirmaram sua candidatura sem medo de errar. Observando e estudando esse país por décadas, constatei que é um país muito previsível, posto que a população é exageradamente ingênua e manipulada pelos meios de comunicação e o centro do poder dominado por uma oligarquia que há séculos sabe…

Read More

Moniz Bandeira: “O Estado brasileiro parece desintegrar-se”

O historiador e cientista político baiano Luiz Alberto Moniz Bandeira faz em seu livro mais recente lançado no Brasil: A desordem mundial (Ed. Civilização Brasileira), um amplo estudo do caótico cenário internacional. Aos 80 anos, ele também tem sido homenageado pela sua vasta obra e história de vida de intelectual engajado. Em junho, foi homenageado pela União Brasileira de Escritores. No…

Read More

Trump, reflexo de nossa miséria

0

Não há muito que analisar sobre os resultados das votações. Não nos deve surpreender a vitória de Trump. Ele é reflexo do que somos como humanidade: patriarcal, misógina, machista, homofóbica, xenófoba, racista, sexista e fascista. Isso explica que dera uma surra em Hillary Clinton e varrerá com as eleições. Com isso não quero dizer que ela é uma fruta em…

Read More

“Estrella de Panamá” em defesa do paraíso

As supostas denúncias de corrupção contra o vice-presidente equatoriano, Jorge Glas, vindas da mídia privada panamenha “Estrella de Panamá” são uma pequena mostra do que está por vir. O “Pacto Ético” proposto pelo Presidente Rafael Correa na ONU, que tem como objetivo principal acabar com os paraísos fiscais, apesar de ser bem aceito pela comunidade internacional, despertou a ira da…

Read More

Silvio Tendler reúne história sobre a venda de ativos públicos

O cineasta Silvio Tendler acaba de lançar seu novo filme Privatizações: a Distopia do Capital. No documentário de 56 minutos, intelectuais, políticos e educadores abordam o Estado mínimo; a venda de ativos públicos ao setor privado; o ônus decorrente das políticas de desestatização. O flme é uma realização do Sindicato dos Engenheiros no Estado do Rio de Janeiro (Senge-RJ) e…

Read More