Estados Unidos

América Latina
0

Plano de Mestre dos EUA contra a Venezuela se fecha e militarismo aumenta na região

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, mantém desde agosto de 2017 a obsessiva intenção de invadir a Venezuela, como revelou um alto funcionário da Casa Branca em declarações à agência de notícias Associated Press (AP). Stella Calloni*

América Latina
0

Quem são os responsáveis pelo inferno de Honduras?

Perante dezenas de milhares de pessoas a agruparem-se na fronteira sul dos EUA, desencadeando agitação política nos Estados Unidos, surge a pergunta: qual a razão de haver tantos pedidos de asilo e migrantes a atravessarem ilegalmente as fronteiras de três países centro-americanos, designadamente a Guatemala, Honduras e El Salvador?

América Latina
1

Crise no Haiti expõe fracasso da “ajuda humanitária” dos EUA ao país caribenho

Centenas de pessoas protestam no Haiti desde a última sexta-feira (6) contra o aumento nos preços da gasolina, do petróleo e do querosene. O aumento se deve a uma medida acordada em fevereiro entre o governo do país e o Fundo Monetário Internacional (FMI).

Editorial
0

Editorial: Guerra comercial de Trump não atinge a China

A China começou a aprender sobre estratégia deve fazer mais de três mil anos. Por isso, já foi uma das maiores potências comerciais e marítimas. Mais recentemente, invadida por potências militares colonialistas e imperialistas, e sumida numa guerra civil por décadas, sofreu graves danos e declínios. Claro, não podia ser diferente.

Direitos Humanos
0

O impacto das ações de Trump na Califórnia que prometeu proteger indocumentados

A tensão gerada pelo presidente em torno do tema tem feito com que estados estadunidenses que comportam muitos imigrantes vivam em constante conflito. Assim, a Califórnia, que se tornou um estado santuário, de proteção para os imigrantes em 2017, e que possui mais de três milhões de imigrantes, é vista pelo mandatário como uma ameaça e um incentivo à imigração de pessoas sem documentos.

Estados Unidos
0

Crianças separadas dos pais nos EUA correm o risco de não voltar à família

Ao todo, a polícia fronteiriça estadunidense separou 2,3 mil crianças imigrantes de seus pais nos últimos dois meses. Segundo dados do The Intercept, desde outubro do ano passado, são mais de 3,7 mil crianças imigrantes separadas de suas famílias, muitas das quais chegaram ao país em busca de asilo e foram mandadas para instalações precárias em ao menos 17 estados.

América Latina
0

Quem se importa com migrantes? Mortos em vida, eles migram para morrer mil vezes mais

Os sinais mais visíveis das ditaduras impostas pelos Estados Unidos na América Latina podem ser vistos todos os dias nos milhares de migrantes que são obrigados a sair de seus países de origem para buscar salvar suas vidas e conseguir teto e comida nos Estados Unidos.

#VenezuelaSobAtaque
1

Venezuela, Brasil e Argentina são vítimas da guerra de baixa intensidade dos EUA na região

Há uma guerra de Baixa Intensidade (GBI), mas de extrema violência que está sendo aplicada em todo o continente, em um projeto geoestratégico de recolonização em pleno século 21, através do qual já submeteu vários países utilizando golpes de Estado com as novas metodologias.

Destaque 2
1

Mundo assiste, em silêncio, ao genocídio palestino promovido por Israel. Por quê?

Vamos romper o silêncio em prol de uma sociedade justa, em prol da vida dos palestinos. Não se pode silenciar um genocídio, não se pode silenciar a violência contra os palestinos, como se eles não fossem também parte de nossa humanidade. Francirosy Campos Barbosa* Em algum momento da minha vida estudantil secundarista li o Diário de Anne Frank e me deparei com a dor de famílias judias perseguidas pelo nazismo, completamente aviltadas de seus direitos…

#VenezuelaSobAtaque
6

Documento secreto dos EUA revela “Golpe de Mestre” já em curso contra Venezuela

Os Estados Unidos e seus sócios preparam, em silêncio, um brutal plano para “acabar com a ‘ditadura’ da Venezuela: o Golpe de Mestre”, que já está em marcha e cuja primeira parte começaria antes das próximas eleições venezuelanas, que serão realizadas no próximo domingo (20) e, se não tiverem êxito em derrocar o presidente Nicolás Maduro com a nova ofensiva, na qual utilizarão todo o aparato propagandístico e midiático, além de ações violentas em “defesa…

América do Norte
2

Guerra comercial de Trump mira tecnologia e desenvolvimento da China, diz analista

O presidente estadunidense, Donald Trump, anunciou no início de março tarifas de 25% e 10% sobre a exportação de aço e alumínio, respectivamente, para os Estados Unidos. A tensão entre os EUA e a China eleva a ameaça de uma guerra comercial.

Brasil
10

Presente de Grego? Estados Unidos doam Tanques de Guerra ao Brasil

O Brasil já foi, na década de 1980, um dos três maiores produtores de tanques no mundo. A Engesa desenvolveu os tanques blindados nacionais Cascavel e o Urutu, que foram exportados para América Latina, África e Oriente Médio. A doação recente dos EUA leva o Brasil à dependência estadunidense quanto à reposição de equipamentos e peças, fator intolerável em tempos de guerra.

Destaque 2
0

Pentágono treinou “rebeldes” da Al-Qaeda na Síria para utilizar armas químicas

O último bastião de manutenção terrorista na Síria, Ghouta Oriental, a leste do centro da cidade de Damasco, Duma, foi devastada por um ataque com armas químicas que deixou pelo menos 70 pessoas mortas. A maioria das vítimas é de mulheres e crianças. No entanto, como é característico e típico, a mídia hegemônica imediatamente colocou a culpa no Exército sírio pelo terrível ataque antes mesmo que investigações fossem realizadas. Suas fontes? Os capacetes brancos e o Jaish al-Islam.

América Latina
0

VIII Cúpula das Américas: um rotundo fracasso marcado pela submissão aos EUA

Depois de dias tensos, terminou em Lima dois dos mais esperados eventos do ano: a VIII Cúpula das Américas, evento governamental no âmbito da Organização dos Estados Americanos (OEA); e a Cúpula dos Povos, convocada por organizações sociais e políticas com o objetivo de traçar um caminho diferente ao da classe dominante.

Manchete
3

Os EUA já não são mais aquele… Até quando apoiaremos a maior força bélica da história?

costaOs Estados Unidos mantêm a maior força bélica jamais vista na história da humanidade. Forças terrestres, aéreas, navais, porta-aviões, bases militares, mísseis, foguetes, energia atômica e nuclear espalhadas pelo mundo. Para que serve tudo isso? A melhor pergunta é: quanto custa e como sustentar tudo isso? Paulo Cannabrava Filho* Eles são hoje o país capitalista que abriga o maior número de pobres, que tem o maior déficit orçamentário e a maior dívida externa. Você verá…

Manchete
3

EUA e Rússia: estivemos à beira de uma guerra mundial e não sabíamos

Em março já se podia perceber que os EUA sentiram o duro golpe dado por Vladimir Putin, quando este apresentou novas e indetectáveis armas nucleares russas. Foi quando incitou o Ocidente a escutar a Rússia. E isso em meio a reuniões de cúpula e encontros em que foram tomadas importantes decisões políticas e militares, uma conspiração a mais com a Grã-Bretanha, tendo como centro de gravidade o caso do espião Skripal.

América Latina
0

Dos campos às cabines de TV: as meninas também jogam (e entendem de) futebol

Eu cheguei nos Estados Unidos em novembro e nos primeiros dias de abril, quando começava a derreter a neve do inverno, saí para buscar trabalho nos campos de futebol. Levava comigo meu título de árbitra de futebol avalizado pela FIFA e uma carta de recomendação da Federação de Futebol da Guatemala.

Direitos Humanos
0

Racismo persistente nos EUA meio século após Martin Luther King

Meio século após o inesquecível discurso de Martin Luther King, o racismo persevera em ser uma matéria pendente para os Estados Unidos, onde estão ativas leis discriminatórias tanto no âmbito federal como nas jurisdições estaduais.  O mais famoso dos líderes negros norte-americanos pronunciou seus célebres quatro palavras (“I have a dream”) em 28 de agosto de 1963 em um auditório de 250 mil compatriotas que se reuniram no Lincoln Memorial ao final da Marcha pelo…

América Latina
2

Do México ao Brasil, ofensiva neoliberal faz América Latina retroceder cem anos

As ingerências existirão sempre, e não serão apenas dos EUA e seus embaixadores, nem dos infiltrados de outros países; aqui a responsabilidade absoluta é dos traidores que vendem seu povo à melhor oferta. E é aos traidores que se deve julgar; e que apodreçam nas masmorras e sejam arrancados da memória coletiva.

Brasil
11

Brasil supera imperialismo dos EUA e volta a ser colônia – dos EUA

Já não se trata mais de ser contra o imperialismo ianque. Já foi ultrapassada essa fase. Agora, se trata de lutar contra uma ocupação colonial. Se trata, portanto, de desencadear uma luta de Libertação Nacional para conquistar uma verdadeira independência. Paulo Cannabrava Filho* Como ocorreu e, como ocorre, essa ocupação? É mesmo uma colonização? Foi um processo longo e paciente. Começou em 1964 com a captura do Estado pelo capital transnacional, seguido a partir dos…

#VenezuelaSobAtaque
7

Intervenção militar dos EUA na Venezuela começa a ser desenhada

Nestas últimas semanas, às já reforçadas medidas de pressão econômica por meio de sanções e a permanente pressão política e diplomática exercida por organismos internacionais, think tanks e empresas de comunicação hegemônicas, somam-se múltiplas afirmações, rumores e referências a uma possível intervenção militar em Venezuela. Por Silvina M. Romano, Arantxa Tirado y Aníbal García Fernández (*) Apesar de não se tratar de uma ameaça “nova”, é preocupante a visibilidade que se tenta dar a esta hipótese, apresentada…

Direitos Humanos
0

Políticas anti-imigração de Trump representam desastre para universidades dos EUA

“Eu temo que um dia não seremos mais bem aceitos nesse país”, diz brasileira que estuda em universidade da Virgínia Por Isabella Marques e Juliana Martinelli (*), para o Diálogos do Sul Apesar da fama de ser o país das oportunidades, os Estados Unidos têm, paulatinamente, perdido o status de “terra dos sonhos” desde que o presidente Donald Trump chegou ao poder, em 2017. Além dos imigrantes de origens muçulmana — principais alvos das ações…

Destaque 2
0

Invasão de EUA a Panamá repete Guernica

Há 28 anos, em 1989, no dia 20 de dezembro, os Estados Unidos invadiram o Panamá. Neste texto, Raul Leis -para quem preservar a memória histórica dos povos era uma tarefa indispensável-, associa o bombardeio de El Chorrillo ao do pequeno povoado basco de Guernica, ocorrido durante a guerra civil espanhola. Raul Leis Romero*

Destaque 2
0

Para que tem servido Guantánamo?

É impossível calcular quantos terroristas poderiam ter sido incluídos em seu processo de radicalização pelo que ocorreu no centro de detenção de Guantánamo. O que sim é possível saber com dados confiáveis é que um número não menos expressivo dos presos de Guantánamo retornaram às atividades terroristas ou insurgentes.

Comunicação
0

Agência estadunidense decreta fim da neutralidade de rede

Os procuradores-gerais de Nova Iorque, Eric Schneiderman, e de Washington, Bob Ferguson, anunciaram a intenção de entrar na Justiça com um pedido de anulação da votação na FCC. Também parlamentares do Partido Democrata informaram que levarão a disputa para o Congresso.

Brasil
0

O Fundo Cívico e o IBAD e o IPES

Este Fundo Cívico proposto por Luciano Huck, para apoiar candidatos, com a intenção de eleger de 70 a 100 deputados federais na próxima eleição, é, na verdade, a reedição do Instituto Brasileiro de Ação Democrática (IBAD), criado em 1959, com o apoio de empresários e banqueiros nacionais e da Agência Central de Inteligência (CIA) americana,

Cuba
0

Cuba: A segunda vitória de Girón

Pela primeira vez na história, há 55 anos Estados Unidos pagou a Cuba uma indenização de guerra pelos danos materiais causados, fato que ressaltou a genialidade do líder da Revolução, Fidel Castro. Os pormenores do que ocorreu está num livro lançado recentemente: “Batalha pela indenização. A segunda vitória de Girón”.

Cuba
0

Cuba e o pacote da guerra cultural

Para as emissoras de tv em aberta guerra cultural só está permitido o ponto de vista do renegado e em sua estratégia de comunicação desenvolvem só valores comerciais que tipifiquem os elementos do código de guerra. São absolutistas na norma de tendência política: seu próprio sistema de Partidos é o único que pode ser chamado de democracia.

Argentina
0

Ara San Juan 8: O povo quer saber

“O trágico desaparecimento do submarino ARA San Juan coloca dois aspectos chaves: um, a busca contra o tempo quando existe a mínima possibilidade de uma “sobrevivência extrema” da tripulação e saber o que é que aconteceu de verdade. Também deverão responder se estavam sendo realizadas as manobras Cormorán”. Stella Calloni*

Honduras
0

Golpe contra Nasralla em Honduras

Há anos Honduras se enchia de indignados manifestando com tochas. A longa noite hondurenha se enchia de luz, de resistência, de povo desperto, de utopias e vontade. O povo hondurenho tem a força, a dignidade, a honradez e o amor para resistir e não permitir que os abutres da exploração, da manipulação e do extermínio governem.

Caderno C
1

A farsa do dia de Ação de Graças

Amparados numa história falsa, escrita pelos genocidas que invadiram estes territórios e exterminaram os nativos do norte do continente, celebra-se a cada novembro o Dia da Ação de Graças. Esse dia deveria ser lembrado como o Dia do Genocídio Caucasiano contra os nativos norte americanos. Ilka Oliva Corado*

Estados Unidos
0

EUA desengavetam o “Corolário Roosevelt”

O Corolário Roosevelt foi anunciado em 6 de dezembro de 1904. Na ocasião o presidente afirmou: “Tudo o que este país deseja é ver a seus vizinhos estáveis, organizados e prósperos. Qualquer país em que sua gente se conduza corretamente, pode contar com nossa profunda amizade.

Brasil
2

Manobra militar inédita dos EUA no Brasil ameaça governos progressistas da América do Sul

A presença de militares estadunidenses na região amazônica supõem um tipo de intervenção, patrocinada por governos direitistas dos países latino-americano, com objetivo de se apropriar das riquezas naturais e é uma ameaça direta aos governos progressistas da Venezuela e Bolívia.

Argentina
2

Malvinas agora são bases de treinamento militar

Sputnik dialogou com o veterano e integrante do Centro de Ex Combatentes das Ilhas Malvinas, Ernesto Alonso, sobre as manobras militares realizadas pela Grã Bretanha no arquipélago do Atlântico Sul. Segundo Alonso, “esses exercícios estão sendo realizados pela Grã Bretanha de forma “unilateral” e “reiterativa”.

#VenezuelaSobAtaque
0

O Império tenta separar a “meia lua” da Venezuela

Qualquer tentativa separatista na Venezuela terá como eixo fundamental o estado de Zulia, não só por seus antecedentes separatistas, mas pelo fato de que esse estado conta com reservas certificadas de cerca de 26 bilhões de barris de petróleo e de cerca de 18 trilhões de pés cúbicos de gás. Carlos E. Lupo*

Brasil
1

O que querem os militares brasileiros?

Outra indagação aos militares, que devemos sempre destacar, difundir e propagar, é se eles cumprirão com o sagrado dever de defender a pátria, a nação e a Constituição ou se serão guiados pelos gritos histéricos de um Bolsonaro. José Dirceu.*

Estados Unidos
1

Jovens imigrantes indocumentados sem solução nos EUA

O secretário da Justiça do atual governo, Jeff Sessions, anunciou o fim do DACA em 5 de setembro passado o que desencadeou uma onda de protestos. Em vigor desde junho de 2012, o DACA concede proteção legal, segundo dados oficiais, a uns 800 mil jovens contra a possibilidade de serem deportados.

Ruanda
0

Ruanda: Analistas mostram ‘mão armada’ dos EUA em genocídio

De acordo com o artigo chamado “A função secreta dos Estados Unidos no genocídio em Ruanda”, o assassinato do presidente Juvénal Habyarimana [hutu] teria sido planejado com o apoio da Agência Central de Inteligência e desencadeado o massacre, que levou a vida de aproximadamente 800 mil pessoas.

Cuba
0

Quem se beneficia com um retrocesso das relações entre Cuba e os EUA?

Um rápido resumo do que foram as relações, permite ver avanços jamais vistos no conflito Cuba vs. EUA: o governo norte-americano tirou a Ilha da espúria lista de países patrocinadores do terrorismo, na qual nunca deveria ter estado.

Afeganistão
0

O Afeganistão e a rota da CIA para a heroína

O Afeganistão está infestado de mercenários (contractors). Os números variam de 10 mil a dezenas de milhares. Militares e ex-militares podem ser razoavelmente apontados como os atores na rota da heroína – em muitos casos para lucro pessoal.

América Latina
0

Crianças e adolescentes migrantes: carne de canhão

Conseguiram seu objetivo, militarizaram a região e com isso os próprios governos, que trabalham na impunidade, são os encarregados de sequestrar, violentar e assassinar migrantes em trânsito, com o pretexto de combater o tráfico de pessoas e o narcotráfico.

#VenezuelaSobAtaque
0

Alba convoca movimentos em solidariedade com Venezuela

O governo golpista do Brasil se apressou a convocar uma reunião do MERCOSUL para suspender os direitos da Venezuela. Um governo ilegítimo e com apoio de apenas 3 por cento da população brasileira, atreve-se a sancionar o governo por falta de democracia.

Entrevistas
0

“Os atuais governantes não percebem que o mundo está mudando”

Segundo a pesquisadora, o mundo está passando por um grande projeto reestruturação que tem impacto muito grande para a América Latina. “Ao invés de se adaptar, o que a América Latina está fazendo mais uma vez é reproduzir a relação de dependência com os países do norte”, afirma.

#VenezuelaSobAtaque
0

Em carta à OEA, Stella Calloni dá aula sobre América Latina

A jornalista e escritora argentina Stella Calloni escreveu uma carta aberta ao Secretário Geral da Organização dos Estados Americanos (OEA), Luis Almagro, uma verdadeira aula de história sobre Nossa América, que deve ser lida por todos os que vivem nesta região e não aceitam a manipulação da informação diária produzida pela mídia comercial conservadora.

#VenezuelaSobAtaque
0

Venezuela da primeira vez

Os últimos acontecimentos na Venezuela derrubam qualquer estimativa sobre a capacidade dos setores oligárquicos de manter a democracia. Fica claro que esse sistema só é válido enquanto serve para eles acumularem riquezas, espoliar recursos e avassalar indiscriminadamente aqueles que se lhes opõem.

#VenezuelaSobAtaque
0

PRD de Panamá com os venezuelanos

O Partido Revolucionário Democrático (PRD) registra que o governo do presidente Juan Carlos Varela violou a dignidade do país ao rebaixar o Panamá à condição de apêndice submisso da política exterior dos Estados Unidos ao apoiar as sanções impostas pelos Estados Unidos a Venezuela e a funcionários desse país de maneira unilateral.

#VenezuelaSobAtaque
3

A CIA e a contrarrevolução na Venezuela

O permanente ativismo da CIA é iniludível e não pode passar despercebido a um olhar minimamente atento. Vários ex agentes da CIA arrependidos e nauseados descreveram com riqueza de detalhe toda essa atividade, com nomes e datas.

Stella Calloni
0

A guerra dos EUA contra a Venezuela

“O sistema de poder estadunidense se vale de sanções unilaterais extraterritoriais, financiamento econômico de organizações na Venezuela com fins terroristas, bloqueio financeiro, ameaças de intervenção militar, entre outros”.

Manchete
0

O “Plano Condor” judicial busca destruir Lula

Hoje, através de uma sentença condenatória contra o ex Presidente Luís Ignácio Lula da Silva, o novo Plano Condor que está sendo aplicado pelos EUA por toda a América Latina tenta se consolidar no Brasil buscando destruir a imagem de sua maior liderança popular.

Estados Unidos
0

Crianças e adolescentes dos EUA sob risco das balas

Pesquisadores dos Centros para o Controle e Prevenção de Enfermidades analisaram dados sobre lesões e mortes por tiros em crianças de zero a 17 anos e um relatório registra anualmente cerca de 1.300 mortes por armas de fogo entre menores de 17 anos.

Manchete
2

A Cia, Braudel, Foucault e Lévi Strauss

A CIA acaba de desclassificar um documento intitulado «França: a defecção dos intelectuais de esquerda» que comprova, e fornece alguns dados novos, a sua política em relação à intelectualidade progressista e de esquerda.

Manchete
0

Por um mundo sem muros

A Conferência Mundial dos Povos por um Mundo sem Muros para a Cidadania Universal, com a participação de quatro mil pessoas de 43 países de quatro continentes, na cidade de Tiquipaya, Bolívia, encerrada no dia 21 de junho, aprovou uma declaração que é um chamado à luta por um mundo melhor, só possível com uma nova ordem econômica, livre da hegemonia do lucro financeiro e sem muros separando os povos. Como os meios de comunicação…

América Latina
0

Reestruturação da Operação Condor

Não importa quem seja o presidente de turno, o sistema capitalista é o mesmo. A cada mudança de administração são realizados reajustes, provocados mais pelo ego de cada presidente, porém a Operação Condor é a mesmas, não se move de lugar, está instalada de forma permanente. O que ocorre são reajustes de acordo ao tabuleiro político do neoliberalismo e do progressismo na região. Ilka Oliva Corado* As atividades de Trump nos últimos dias com relação…

O Mundo de Trump
0

Trump/Cuba: Discurso demagogo e idiotizado quando o rabo está preso

Trump em Miami fez o discurso idiotizado, demagogo e notadamente midiático, para desviar a atenção de seu rabo preso com suas ações de impedir as investigações internas, que vem sendo realizadas pelo Congresso Americano e que poderá leva-lo ao Impeachment. João Vicente Goulart* Em um ambiente altamente favorável as suas bravatas, com exilados anticastristas em Miami, Trump declara cancelado o acordo EUA-CUBA, realizado pela administração anterior de Barack Obama. Retoma um discurso e uma atitude…

Entrevistas
0

Há que lutar pela descolonização de Porto Rico

“Devemos nos atrever a lutar até a última gota de força” Oscar López Rivera Alícia Jrapko* No marco de ato realizada no dia 31 de maio em Berkeley, em homenagem ao ex preso político porto-riquenho Oscar López Rivera, a editora de Resumen Latinoamericano nos Estados Unidos e ativa militante da solidariedade com Cuba e Porto Rico, Alicia Jrapko, entrevistou o independentista borínque. Pouco antes o lutador revolucionário fora ovacionado por 800 pessoas que lotaram a…

América Latina
0

Resistir, resistir, resistir

Teria sido tão fácil para a Cristina no dia seguinte ao fim do seu mandato agarrar suas coisas e viajar para o exterior; já havia cumprido o que lhe correspondia como chefe de governo. A mesma coisa podia ter feito Dilma quando lhe deram o golpe de Estado, o que era mais fácil: ir embora sem olhar para trás. Mas ficaram e não para estar de braços cruzados, a mesma coisa que fez Lula, que…

O Mundo de Trump
0

Os indocumentados na administração Trump

Qualquer forma de lucrar a custas do suor dos imigrante indocumentados é uma pechincha. É um negócio rentável como o de tráfico de pessoas para exploração sexual, trabalho escravo ou tráfico de órgãos. Por isso são os que mais sofrem, são os párias. Quem os defende? Ilka Oliva Corado* É uma ingratidão o que fazem os meios de comunicação ao aterrorizar os indocumentados agora que Trump está presidente de Estados Unidos. Já de per se…

O Mundo de Trump
0

O Planeta não cabe no Mundo de Trump

Sim, o “Planeta não cabe no mundo de Trump”! João Baptista Pimentel Neto* – com a fundamental colaboração da arte e do ativismo de Vanderlei Dos Santos Catalão (tt Catalão). Foi uma semana marcada por fatos que comprovam definitivamente que “O planeta não cabe no mundo de Trump”. É isso ao menos que indicam as reações nacionais e internacionais às atitudes e patetices verbais praticadas por Donald Trump. De Pittsburgh à Tóquio. De Bonn à Califórnia. Governantes, intelectuais, lideranças…

Argentina
0

Macri e a entrega da soberania da Argentina

V Seminário Internacional pela Paz, Guantánamo – O atual governo neoliberal argentino no marco da militarização imperialista regional. Carlos Aznárez* “Nunca entendi os temas de soberania em um país tão grande como o nosso. Nós não temos um problema de espaço como têm os israelenses e nesse sentido, as Ilhas Malvinas seriam um forte déficit adicional para a Argentina”. Tais palavras saídas da boca do presidente argentino Mauricio Macri dão a pauta do nível com…

América Latina
0

O papel desonesto da OEA

Da Venezuela ao México e ao Brasil. Nils Castro* Na quarta-feira, 24 de maio, milhares de brasileiros ocuparam Brasília reclamando a renúncia do presidente de fato Michel Temer e a convocação imediata de eleições diretas para eleger um sucessor. O mesmo ocorre há várias semanas em todas as cidades importantes do país. O novo agora foi que por trás da imensa repressão policial contra os manifestantes, Temer chamou a força do exército para tirar essa…

Manchete
1

América Latina: Militarização continental viola soberania

Argentina está se armando até os dentes. Para que? Para reprimir o povo. Não se trata de intenção de ir à guerra, posto que não tem inimigos externos e está sob a proteção das potências imperiais. Além do mais, o que estão comprando é puro ferro-velho estadunidense e israelense. Materiais descartáveis utilizados nas agressões e conquistas territoriais de Estados Unidos e Israel. Paulo Cannabrava Filho* Ao mesmo tempo que se arma contra a população a…

#NósSóQueremosJustiça
0

Projeto Pontes: A “justiça” brasileira a serviço de interesses alienígenas

O Wikileaks revelou o informe enviado ao Departamento de Estado dos Estados Unidos sobre o seminário Projeto Pontes, realizado em outubro de 2009, com a presença de membros seletos da PF, Judiciário, Ministério Público, brasileiros e autoridades dos EUA, no Rio de Janeiro. O seminário se chamava “Projeto Pontes: construindo pontes para a aplicação da lei no Brasil”, em que se tratava de consolidar treinamento bilateral de aplicação das leis e habilidades práticas de contra terrorismo.…

Mundo
0

O engano, a traição e a esquerda: O prêmio “Traidor do Ano”

Enquanto a direita apoia fielmente as políticas e interesses dos seus apoiadores da classe dominante, a esquerda tem traído sistematicamente as promessas da sua plataforma política e enganado a classe trabalhadora, os empregados assalariados, os pequenos negócios e os seus apoiadores regionais. James Petras* Inversões históricas têm acontecido em rápida sucessão por parte de líderes de esquerda, incluindo maior controle oligárquico sobre a economia, dominação política mais ditatorial pelas potências imperiais (EUA, UE), aumento de…

Entrevistas
0

Balanço dos 100 dias de Trump II

O professor titular do Centro de Estudos Hemisféricos sobre Estados Unidos da Universidade de La Habana, Luis René Fernández, em entrevista ofereceu uma análise sobre os primeiros 100 dias de Donald Trump na Casa Branca. Jorge Petinaud Martínez* Observa-se, ao concluir o primeiro trimestre, uma grande consistência entre suas ações e as promessas de campanha. Luis René Fernández: Não obstante, é preciso levar em conta a complexidade do governo estadunidense –que não é só o…

O Mundo de Trump
0

Ao bombardear a Síria Trump ameaça a humanidade

Ao bombardear a Síria, os EUA colocam  a Humanidade à beira de uma guerra apocalíptica cujo desfecho poderia ser o fim da humanidade. O ataque com mísseis contra uma base aérea síria na província de Homs foi lançado a partir de navios da US Navy baseados na base naval de Rota, na Espanha. O presidente sírio Bashar Al Assad já tinha negado qualquer responsabilidade no bombardeamento de um hospital com armas químicas  e reafirmou a condenação…

O Mundo de Trump
0

O Império em guerra contra Nossa América

No terceiro mês deste novo ano, a crise econômica e política no mundo, e no Peru, se agrava. Na verdade não é uma mera crise. É, simplesmente, um sistema de dominação mundial -o capitalismo- que se desmantela e gera violentas convulsões. Vejamos o que diz o coletivo do Cedis – Centro de Estudos Democracia, Independência e Soberania, com sede em Lima, Peru. O Império conduz a guerra contra nosso continente Passados três meses das eleições…

Cuba
0

“Pátria” jornal de José Martí publicado nos EUA

Três lustros da vida do herói nacional cubano José Martí, transcorreram nos Estados Unidos, onde desenvolveu a maior parte de sua fecunda obra política e intelectual em fins do século XIX. Diony Sanabia* Nos EUA, cuja sociedade soube auscultar como poucos, preparou uma guerra contra o colonialismo espanhol e saiu para guerrear em sua pátria com armas nas mãos como ele mesmo pediu inúmeras vezes. Estados Unidos foi testemunha de duas de suas memoráveis criações:…

O Mundo de Trump
0

Diplomacia e democracia nos EUA de Trump

Decorrido o primeiro mês da administração do presidente Trump estamos em melhores condições para avaliar as políticas e a direção do novo presidente. Um exame da política externa e interna, particularmente de uma perspectiva histórica e comparativa, proporcionará antevisões sobre se a América está a avançar para uma catástrofe como afirmam as mídias corporativas ou rumo a maior realismo e racionalidade. James Petras* Assim, examinaremos se Trump prefere a diplomacia em relação à guerra. Avaliaremos…

O Mundo de Trump
0

O dispositivo Clinton para desacreditar Trump

David Brock é considerado como um dos mestres da agit-prop (agitação & propaganda) do século 21. Personalidade sem escrúpulos, tanto pode defender uma causa como destruí-la, segundo as necessidades do seu empregador. Ele está à cabeça de um império da manipulação de massas. Thierry Meyssan* Este artigo é uma advertência : em Novembro de 2016, um vasto sistema de agitação e de propaganda foi montado para destruir a reputação e a autoridade do Presidente Donald…

Porto Rico
0

Porto Rico: Com a colônia em bancarrota

A suprema definição está ao nosso alcance. Rubén Berríos* Em 18 de janeiro de 2017, o presidente do Partido Independentista Portorriquenho (PIP), Rubén Berríos, discursou no parlamento de Porto Rico (equivalente às assembleias legislativas estaduais brasileiras) sobre o projeto de lei, atualmente em tramitação no senado local, que convoca um plebiscito para decidir o estatuto da ilha. Porto Rico é um território dependente dos Estados Unidos desde 1898, quando os estadunidenses ocuparam-no na guerra contra…

Estados Unidos
0

Com Trump termina um ciclo

Poderíamos mudar o debate sobre Donald Trump e não nos concentrarmos no que ele faz, mas em sua importância histórica? Oxalá as seguintes reflexões sirvam para compreender que o presidente dos Estados Unidos representa, de fato, o final de um ciclo estadunidense e que estamos todos no mesmo barco. Roberto Sávio*  São necessárias umas quantas palavras, mas vale a pena dedicar a elas alguns minutos a mais. Primeiro, gostando ou não, temos vivido durante os…

O Mundo de Trump
0

Donald Trump: a receita para o nacionalismo é o protecionismo

Donald Trump conseguiu a simpatia de setores antagônicos: uma Esquerda fundamentalmente anti-imperialista (não aquela formada por jovens afetados e que só se importam com Obama segurando um guarda-chuva ou dando as mãos para a primeira dama) e uma Direita essencialmente politicamente incorreta. Com um discurso e propostas totalmente contrárias ao establishment atual, cercado pela mídia e demonizado pelas principais estrelas de Hollywood (e com uma oposição que o subestimou profundamente), Trump deixou de ser uma…

O Mundo de Trump
0

O Mundo de Trump: As linhas divisórias ao sul

Ordens executivas dedicadas aos países do Sul Carolina Vásquez Araya* A construção de muros na mente do presidente de Estados Unidos não se limita unicamente às portentosas cercas de concreto que pretende erguer na fronteiro com México. A abundante imaginação deste mandatário vai muito além disso ao reinventar as restrições para o ingresso de cidadãos de outros países por razões de religião, cultura e origem étnica com a desculpa de que vêm de países em…

O Mundo de Trump
0

O Mundo de Trump: Mais uma da “esquerda trompista”

As pessoas relativamente simpáticas a Donald Trump, no campo progressista, gostam de afirmar que ele seria contrário à “globalização neoliberal”, por conta de medidas como a ruptura com o TPP e a denúncia do NAFTA. Breno Altman* Antes de mais nada, o conceito é frouxo. Mistura um fenômeno estrutural – globalização, sofisma inventado pela direita para imperialismo – com um ciclo conjuntural, qual seja, aquele marcado pelas políticas neoliberais. Além de desconsiderarem que a política…

Estados Unidos
0

Com ou sem Trump: EUA sempre ameaçaram aliados em troca de votos na ONU, diz especialista

“Se não jogarem conosco, reduziremos ou cortaremos a assistência”, essa é a regra não escrita com que a maioria dos doadores ocidentais ameaçam as nações em desenvolvimento quando não fazem o que eles querem na Organização das Nações Unidas (ONU). Thalif Deen* Em 1990, o Iêmen, então membro não permanente do Conselho de Segurança, se negou a votar a favor de uma resolução proposta pelos Estados Unidos para expulsar o Iraque do Kuwait, um golpe…

Espanha
0

Vicenç Navarro: A despolitização do político

A frivolidade do suposto futuro sem trabalho Vicenç Navarro foi Catedrático de Economia aplicada na Universidade de Barcelona. Atualmente é Catedrático de Ciências Políticas e Sociais, Universidade Pompeu Fabra (Barcelona, Espanha). Este artigo analisa o estado de choque produzido no establishment político e mediático de Estados Unidos pelas políticas neoliberais e como juntamente com o triunfo de Donald Trump isso repercute na Espanha. Uma visão objetiva que explica a perplexidade geral que aflige a todos…

O Mundo de Trump
0

Trump: O fascismo continua sendo o fascismo

Por conta de uma análise nossa que circulou dia 23 de janeiro pela Internet, com título “Donald Trump e Adolf Hitler”, alguém comentou que isso era um anacronismo, uma comparação um tanto quanto arbitrária. Pois bem, vamos aprofundar um pouco no tema, inspirados nos primeiros decretos do novo Manda-Chuva gringo. Néstor Francia* Naquela análise advertimos: “o discurso de posse de Trump recorda os inícios da liderança de Hitler na Alemanha de início da década de…

O Mundo de Trump
0

Tribo Sioux de Standing Rock adverte Trump

Os índios Sioux de Standing Rock advertem a Trump: “criar outro oleoduto não fará os Estados Unidos grande outra vez. Amy Goodman e Denis Moynihan* Desde que assumiu, e já não só através do Twitter, o presidente Donald J. Trump não deixou de emitir ordens executivas e memorandos presidenciais. Na quarta-feira se pronunciou sobre os oleodutos de Keystone XL e Dakota Access. Ambos projetos foram rechaçados ou atrasados pelo governo de Barack Obama por força…

O Mundo de Trump
1

O muro de Trump contra América Latina

Sem ir muito longe, o muro que Trump pretende construir não vai deter a imigração forçada de latino-americanos porque ela se deve à política externa dos Estados Unidos e sua ingerência na América Latina. Primordialmente. O acosso constante, a intromissão em assuntos internos de outros países que toma como próprios. O saque impiedoso em terras que sempre vulnerou à sua vontade. Ilka Oliva Corado* Se especificarmos a migração de centro-americanos e mexicanos para os Estados…

Manchete
1

Quem tem medo de Donald Trump?

Reflexões sobre a vitória de Donald Trump e sua repercussão aqui e no mundo. Paulo Cannabrava Filho* Um dia desses, conversando com nossa equipe de jornalismo, riamos ao constatar que as notícias dominantes na mídia sobre Estados Unidos mais pareciam vir de uma república bananeira: as “Banana’s Republic”, Estados sem condições de estabilidade econômica e política devido à ingerência externa. Primeiro sintoma: a unanimidade da mídia em torno de um candidato. Depois disso, questionaram a…

O Mundo de Trump
0

Papa Francisco adverte: a Palestina já é um Estado

O Papa Francisco adverte a Trump e Netanyahu e coloca um marco. Poucos dias antes da posse do novo presidente estadunidense, Donald Trump, o pontífice recebeu o líder palestino Mahmoud Abbas por ocasião da abertura da Embaixada da Palestina junto à Santa Sé, no dia 14 de janeiro. Um sinal claro de política internacional em vista da imprevidente decisão anunciada por Trump de querer transferir a embaixada dos Estados Unidos em Israel de Tel Aviv para Jerusalém. #MundoDeTrump A reportagem é de Marco Politi, publicada no sítio do jornal Il Fatto Quotidiano,…

O Mundo de Trump
0

Trump na Casa Branca

«Hoje é primeiro dia da III Guerra» #MundoDeTrump Essa a manchete do artigo de Nicolau Santos que abriu ontem a edição do jornal português «Expresso Curto». O título resume bem a histeria coletiva dos media europeus horas antes de Donald Trump tomar posse como presidente dos Estados Unidos. O discurso de Trump, muito breve, foi uma peça oratória de estilo retórico e populista, que desmentiu as previsões pela moderação. Semeado de lugares comuns, glorificou os…