África: 43 países do continente registram casos de coronavírus; África do Sul decreta quarentena

África do Sul lidera o número de casos confirmados no continente, com 709; Egito tem o maior número de mortes

Dos 54 países do continente africano, 43 registraram casos de contaminação pelo novo coronavírus. Segundo dados do Centro Africano para Prevenção e Controle de Doenças divulgados nesta terça-feira (24/03), a África já conta com 2.046 casos de covid-19.

A África do Sul, país que lidera o número de casos confirmados com 709, decretou nesta segunda-feira (23/03) quarentena a partir de quinta-feira (26/03).

"Nós precisamos aumentar nossas responsabilidades dramaticamente. Os próximos dias são cruciais. Sem uma atitude decisiva, o número de pessoas infectadas irá aumentar rapidamente", disse o presidente sul-africano, Cyril Ramaphosa, ao anunciar o isolamento.


Siga EM TEMPO REAL e com gráficos didáticos o avanço do novo coronavírus no mundo


Ainda segundo o mandatário, a pandemia de coronavírus é "extremamente perigosa para uma população como a nossa, que tem um grande número de pessoas com imunidade baixa por conta do HIV e tuberculose, além de altos níveis de pobreza e má nutrição".

Apesar de liderar a lista dos países africanos em número de contágio, a África do Sul ainda não registrou nenhuma morte.

O Egito, por sua vez, aparece em segundo lugar no número de casos com 402 confirmados. Entretanto, o país tem o maior número de mortes do continente, tendo registrado já 20 vítimas.

AfricaCDC
África do Sul lidera o número de casos confirmados no continente, com 709; Egito tem o maior número de mortes

Com 19 mortes confirmadas, a Argélia é o terceiro país com mais casos confirmados, tendo registrado 264 pessoas contaminadas.

A Angola registrou seus primeiros casos na segunda-feira e, até o momento, contabiliza 3 pessoas contaminadas pelo coronavírus.

Em entrevista à agência Sputnik, o embaixador argentino em Angola, Luis Bellando, afirmou temer a "precariedade do sistema de saúde local" e a  falta de "água [potável], latrinas e instalações sanitárias e de higiene".

Outros países

Casos de coronavírus ainda foram confirmados em Ruanda, Namíbia, Guiné Equatorial, Mauritânia e Suazilândia. Todos os casos foram importados de outros continentes, assim como a imensa maioria dos casos reportados em todo continente até agora.

Os governos e autoridades de saúde se apressam a tomar medidas de controle no continente de 1,3 bilhão de habitantes.

A Namíbia, que confirmou dois casos de covid-19 de cidadãos vindos da Espanha, cancelou as comemorações do Dia da Independência, previstas para 21 de março. O país irá redirecionar o orçamento das comemorações para fortalecer seu sistema de saúde.

A Mauritânia, localizada na região sul do deserto do Saara, decidiu fechar as escolas por uma semana, reduzir o tráfego nas fronteiras e cancelar eventos públicos. O governo solicitou ainda que pessoas que estiveram em áreas afetadas entrem em quarentena voluntária.

*Com Sputnik

Comentários