Após seis anos, Emirados Árabes Unidos reabrem embaixada na Síria

Será a primeira embaixada árabe a começar a trabalhar novamente no país após a guerra civil que começou em 2011

Redação

Sputnik Sputnik

A embaixada dos Emirados Árabes Unidos (EAU) será reaberta em Damasco, na Síria, nesta quinta-feira (27/12) após ficar fechada por seis anos. 

Será a primeira embaixada árabe a começar a trabalhar novamente na Síria após o fechamento causado pela guerra civil do país.

Segundo o site Sputnik, os preparativos finais para a abertura da missão diplomática estão em andamento e o prédio da embaixada foi renovado no início desta semana.

"O ministro da Informação sírio convidou os jornalistas a fazer a cobertura da reabertura da embaixada dos Emirados em Damasco, que acontece hoje", disse à agência France-Presse um responsável do ministério da Informação sob anonimato.

Durante o conflito sírio que começou em 2011, mais de 30 países fecharam suas embaixadas ou realocaram equipes diplomáticas para Beirute, incluindo os Estados Unidos, a Arábia Saudita e a missão da União Europeia.

Os Emirados Árabes Unidos fecharam a missão diplomática e retiraram o embaixador da Síria em 2012. O vice-ministro das Relações Exteriores da Síria, Faisal Mikdad, disse anteriormente que Damasco saudou a retomada do trabalho das embaixadas dos países árabes na Síria.

PxHere
Será a primeira embaixada árabe a começar a trabalhar novamente na Síria

Comentários