Mandela apresenta melhora e se recupera "muito bem", diz uma de suas filhas

Ex-presidente da África do Sul está em um hospital de Pretória há dez dias

Redação

O ex-presidente sul-africano Nelson Mandela se recupera "muito bem" da recaída da infecção pulmonar pela qual foi internado há dez dias, quando seu estado era "grave, mas estável". Assim o anunciou nesta segunda-feira (17/06) Zenani Mandela, filha do ex-presidente e atual embaixadora do país africano na Argentina, durante uma breve conversa com os jornalistas na porta do Medi-Clinic Heart Hospital de Pretória, onde Madiba - como Mandela é popularmente conhecido em seu país - se encontra internado.

Ontem, no último boletim oficial sobre a saúde de Mandela, o presidente da África do Sul, Jacob Zuma, declarou que o mesmo apresentou uma "melhora sustentada nos últimos dois dias", embora siga "em estado grave".

De acordo com a imprensa local, Zenani se dirigiu aos repórteres após sair à frente do hospital com outros familiares para recolher alguns dos presentes que os cidadãos deixam a cada dia na porta do hospital de Pretória.

Um grupo de bispos da Igreja Metodista se deslocou hoje até às portas do citado centro médico para rezar pela saúde de Madiba, indicou a agência de notícias sul-africana Sapa, que ressaltou que Mandela voltou a receber a visita de suas filhas e de sua ex-mulher, Winnie.

A atual esposa do ex-presidente, a moçambicana Graça Machel, que permanece ao seu lado desde o momento de sua internação, tornou público hoje um comunicado de agradecimento pelas inúmeras mensagens de apoio recebidas.

"Recebemos muitíssimo amor e generosidade por parte dos sul-africanos, africanos de todo o continente e de milhares de pessoas de todo o mundo que nos fizeram mais fortes trazendo amor, consolo e esperança", afirmou Graça. "Sentimos a proximidade do mundo e o significado mais profundo da força e da paz", acrescentou a moçambicana.

Na ocasião, Graça citou uma velha frase de seu marido sobre a importância de "fazer a diferença na vida dos outros" para assegurar que, cada vez que esteve doente, "o mundo esteve a seu lado, marcando a diferença para ele, para sua cura".

"Nossa gratidão é difícil de ser expressa, mas o amor e a paz que sentimos nos levam a dizer simplesmente obrigado!", concluiu a esposa do ex-presidente.

Josina Machel, filha de Graça Machel e do primeiro marido desta, o falecido presidente moçambicano Samora Machel, também foi vista hoje entrando no hospital. 

(*) com agência Efe

Comentários