Morre aos 91 anos Dave Brubeck, autor de “Take Five”

De acordo com seu agente, músico morreu de insuficiência cardíaca, na véspera do 92° aniversário

Redação


O compositor de jazz norte-americano Dave Brubeck, que se tornou famoso pelas canções como “Take Five” e “Blue Rono a la Turk” morreu na manhã nesta quarta-feira (05/12) um dia antes de seu 92º aniversário, no Hospital de Norwalk, Estado de Connecticut. A informação foi confirmada por seu gerente e produtor Russell Gloyd.

O músico morreu de insuficiência cardíaca, quando começaria um tratamento de rotina com seu cardiologista, disse Gloyd ao jornal “Chicago Tribune”.

Wikimedia Commons


Além de ter se tornado conhecido ao popularizar e quebrar convenções do gênero musical, também era famoso por seu ativismo em integrar-se com músicos negos participando de concertos em diversos clubes de jazz negros no sul do país, numa época em que as políticas de segregação ainda dominavam a região.

Como pianista, ele também aplicou ao jazz as influências clássicas de seu professor, o francês Darius Milhaud, tocando com um estilo considerado uma antítese ao norte-americano. Levou concertos às universidades na década de 1950 ajudou a quebrar o preconceito de que o jazz não tinha lugar no meio acadêmico. Detestava que o rotulassem seu trabalho: "Desde que eu comecei a tocar jazz, as pessoas tem tentado me classificar de alguma coisa. Rótulos me aborrecem", dizia.

Ele deixou sua mulher, Lola, cinco filhos, netos e uma bisneta.


 

Comentários

Leia Também