Atirador abre fogo contra imigrantes na Itália

De dentro de um carro, homem atira contra pedestres, em sua maioria negros, na cidade de Macerata e é detido enquanto fazia saudação fascista diante de monumento a soldados da Segunda Guerra

Deutsche Welle

0

Deutsche Welle Deutsche WelleTodos os posts do autor

Um homem foi detido neste sábado (03/02) depois de abrir fogo contra imigrantes no centro da cidade de Macerata, na região central da Itália. Seis pessoas ficaram feridas.

Os disparos começaram por volta do meio-dia (horário local) e foram feitos por um atirador que estava dentro de um carro.

O jornal La Repubblica informou que o atirador, de 28 anos, foi detido fazendo uma saudação fascista perto de um monumento dedicado aos soldados italianos mortos na Segunda Guerra Mundial.

picture-alliance/ANSA/G. Picchio

Um dos locais onde os disparos foram feitos

Eu apoio Opera Mundi

Eu apoio Opera Mundi

Eu apoio Opera Mundi

Segundo a imprensa italiana, o alvo do atirador, que estava envolto numa bandeira da Itália ao ser preso, era majoritariamente pessoas negras.

O ataque aconteceu perto do local onde recentemente foi encontrado o corpo esquartejado de uma jovem. O crime chocou a Itália, e um nigeriano, de 29 anos, supostamente traficante de drogas, foi detido.

Comentários