Carnaval do Rio: Temer como 'vampiro corrupto' vira destaque no principal telejornal da Alemanha

'A violência crescente, a intolerância e o permanente tema da corrupção viraram temas. E o presidente Michel Temer foi apresentado como vampiro corrupto', reportou o Tagesschau

Redação

Todos os posts do autor

O principal telejornal da Alemanha, o Tagesschau, da emissora pública ARD, exibiu uma reportagem nesta terça-feira (13/02) em que destaca o desfile da Paraíso do Tuiuti, que trouxe um enredo crítico às reformas do governo brasileiro. Além disso, lembrou do “vampiro neoliberalista” – representando o presidente Michel Temer – trazido pela escola e afirmou que o Carnaval no Rio ficou marcado pelo “protesto contra o establishment”.

“Mais do que nunca, mensagens políticas: protestos contra o prefeito evangélico do Rio, Marcelo Crivella, que em meio à crise financeira reduziu em mais da metade o apoio financeiro. (…) Há 130 anos, a escravidão foi abolida, mas, agora, o governo reforma os direitos trabalhistas, com desvantagem para os trabalhadores”, afirma a reportagem.

“A violência crescente, a intolerância e o permanente tema da corrupção viraram temas. E o presidente Michel Temer foi apresentado como vampiro corrupto”, prossegue.

A escola Paraíso do Tuiuti desfilou no último domingo (11/02) com o enredo "Meu Deus! Meu Deus! Está extinta a escravidão?", marcado por fortes críticas sociais. Além de Temer como vampiro, a agremiação trouxe “manifestoches” envolvidos em patos de borracha – semelhantes ao do montado pela Fiesp (Federação das Indústrias do Estado de São Paulo) e que virou um símbolo dos protestos pedindo o impeachment da então presidente Dilma Rousseff.

Reprodução

TV alemã entrevistou 'Temer vampiro': crítica ao 'establishment'

Veja o vídeo aqui (em alemão):

Comentários