Moeda digital da Venezuela arrecadou US$ 1 bilhão, diz Maduro

Petro foi lançado após sanções econômicas dos Estados Unidos; 'nós já temos ofertas e negociações que excedem 1 bilhão de dólares', disse Nicolás Maduro

Redação*

0

Todos os posts do autor

O presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, disse nesta quinta-feira (22/02) que o país arrecadou US$ 1 bilhão nos dois primeiros dias de circulação da criptomoeda venezuelana, o Petro.

A moeda digital foi lançada após sanções econômicas dos Estados Unidos e é lastreada por cinco milhões de barris de petróleo. 

"Nós já temos ofertas e negociações que excedem 1 bilhão de dólares. Com apenas dois dias, [as negociações] superam 1 bilhão aqui na mão", disse Maduro em vídeo ao vivo no Facebook.

Reprodução
Criação da criptomoeda foi anunciada por Maduro em dezembro do ano passado

O mandatário venezuelano também afirmou que os recursos vão "crescer". "São bilhões de dólares (..) que vão diretamente aos recursos da República". O Petro ainda é visto com desconfiança por alguns setores da economia. 

Segundo Maduro, foram realizadas 292 mil ofertas de opção de compra do petro: 36% delas foram feitas em dólares, 15% em euro, 18% com a criptomoeda Ethereum e 31% com a mais famosa das moedas digitais, o Bitcoin. 

(*) Com Sputnik

Comentários