Canadá apresenta primeira cédula ilustrada com imagem de mulher negra

Viola Desmond, que tem o seu rosto impresso na nova nota de $ 10, foi uma ativista canadense dos direitos civis que, em 1946, desafiou segregação racial no país

ANSA

0

Todos os posts do autor

O governo do Canadá revelou nesta quinta-feira (08/02) sua primeira cédula ilustrada com a imagem de uma mulher negra. Viola Desmond, que tem o seu rosto impresso na nova nota de $10, foi uma ativista canadense dos direitos civis, que em 1946 desafiou a segregação racial no país. 

A nova cédula, que também é a primeira vertical do país, foi apresentada em Halifax pelo ministro das finanças do país, Bill Morneau, e pelo governador do banco do Canadá, Stephen Poloz. A cerimônia também contou com a presença de Wanda Robson, de 91 anos, irmã de Desmond. 

No verso da nota, aparece o Museu dos Direitos Humanos construído recentemente na cidade de Winnipeg. O novo dinheiro entrará em circulação apenas no final deste ano.

A homenagem ocorre depois de o governo canadense conceder um perdão póstumo à ativista, em 2010.

Nos anos 1940, ela foi presa e recebeu uma multa após enfrentar as leis que discriminavam os negros no país. Na ocasião, Desmond recusou-se a sair de uma área destinada somente a pessoas brancas em um cinema na cidade de Nova Glasgow, no litoral do canadense. 

Logo após sua condenação, se mudou para os Estados Unidos, onde faleceu em 1965, aos 50 anos de idade. 

Reprodução/Bank of Canada

Imagem de Viola Desmond vai ilustrar nota de 10 dólares canadenses a partir do fim do nao

Comentários