Ex-combatente mata 3 em lar para veteranos de guerra nos EUA

Autor do crime, Albert Wong, 36 anos, também morreu; homem era ex-soldado e havia servido o exército norte-americano no Afeganistão

Ansa

0

Todos os posts do autor

Um sequestro em um lar para veteranos de guerra em Yountville, na Califórnia, Estados Unidos, deixou três mulheres mortas nesta sexta-feira (09/03), além do próprio autor do crime.

 

O homem, identificado como Albert Wong, 36 anos e ex-combatente no Afeganistão, havia invadido o local durante uma festa de despedida e ficou barricado durante várias horas, chegando a trocar tiros com a polícia.

Após um tiroteio com as forças de segurança, não se ouviu mais nada, e os agentes decidiram entrar no local, encontrando os corpos.

Reprodução

Homem era ex-soldado e havia servido o exército norte-americano no Afeganistão

As três vítimas eram funcionárias da estrutura, onde são tratados veteranos que sofrem de estresse pós-traumático. Seus nomes são Jennifer Gonzales, psicóloga de 29 anos, Christine Loeber, diretora-executiva de 48, e Jennifer Golick, diretora clínica de 42.

Segundo as autoridades locais, Wong era ex-paciente do abrigo, do qual havia sido expulso recentemente.

Comentários