Governo do presidente eleito de El Salvador priorizará relação com os EUA, diz Federico Anliker

Em entrevista, o secretário-geral do partido Novas Ideias reforçou a importância da relação bilateral com o país que possui ‘a maioria da nossa diáspora salvadorenha’

Redação

São Paulo (Brasil)

Todos os posts do autor

O secretário-geral do partido Novas Ideias, Federico Anliker, disse que o governo do presidente eleito Najib Bukele priorizará a relação bilateral com os EUA, além de buscar fortalecer os laços com o país governado por Donald Trump. 

Em entrevista à rede de televisão Telecorporação Salvadorenha (TCS) nesta quinta-feira (07/02), Federico Anliker afirmou: "As relações com os Estados Unidos serão, na agenda internacional, uma prioridade neste governo. Temos uma grande quantidade, a maioria da nossa diáspora salvadorenha está lá. As relações comerciais também são muito importantes e temos que fortalecê-las ainda mais".

Anliker reiterou que durante o governo de Bukele haverá uma postura crítica em relação aos países que atentem contra a democracia e a liberdade. Como exemplos, o secretário-geral citou os casos de países como Nicarágua e Venezuela. Ele também aproveitou para lembrar que o presidente recém-eleito expressou apoio ao autoproclamado presidente interino da Venezuela, Juan Guaidó.

"Nós somos democratas, cremos na democracia, somos contra os abusos dos direitos humanos, são condenáveis", disse ele, acrescentando que El Salvador é parte da comunidade internacional de países que defende a democracia, apesar do apoio existente por parte do atual governo ao regime de Nicolás Maduro.

"Seja a Venezuela ou outro país que surja com o mesmo, seremos contra. Vamos colocar na balança aquilo que melhor convenha ao país, aos interesses nacionais e não um partido político como fez a FMLN", concluiu o secretário geral. 

Reprodução / Facebook
Em entrevista, o secretário-geral do partido Novas Ideias reforçou a importância da relação bilateral com o país que possui ‘a maioria da no

Comentários