Bachelet convida Ana Estela Haddad para rede latina de proteção à primeira infância

Ana Estela Haddad é formada em odontologia pela USP, mestre, doutora e livre-docente na área pela mesma instituição, já trabalhou no MEC e é casada com o ex-prefeito Fernando Haddad

A ex-presidente do Chile e alta comissária de Direitos Humanos das Nações Unidas, Michelle Bachelet, convidou a ex-primeira-dama de São Paulo, Ana Estela Haddad, para integrar uma rede internacional de proteção à primeira infância na América Latina.

A informação é da colunista Mônica Bergamo, na Folha desta quinta (05/09), e vem um dia depois de o presidente Jair Bolsonaro usar a tortura sofrida pelo pai da ex-mandatária chilena para atacá-la.

Bachelet encabeça a Horizonte Ciudadano, uma entidade que “trata de políticas públicas voltadas a metas de desenvolvimento sustentável” fixadas pela Comissão de Direitos Humanos para 2030.

Segundo a colunista, “Ana Estela deve agregar a experiência de políticas públicas coordenadas por ela quando foi primeira-dama de São Paulo, na gestão de seu marido, Fernando Haddad (PT-SP), na prefeitura, de 2013 a 2016.”

Ana Estela Haddad é formada em odontologia pela USP, mestre, doutora e livre-docente na área pela mesma instituição. Ela já trabalhou no Ministério da Educação e foi dela a ideia do programa Universidade para Todos - o famoso Prouni - que deu bolsas de estudo a jovens em instituições particulares. O marido, quando assumiu a pasta da Educação, implantou o projeto, que permitiu a entrada de 2,5 milhões de pessoas no ensino superior.

(*) Com Jornal GGN

Comentários