Professor da Ufersa explica como se deu golpe de Estado na Bolívia; assista

"Para quem tiver dúvidas se é um golpe de Estado ou não, é só ver que, pela 1ª vez, as Forças Armadas, depois de 14 anos, voltaram a colocar tanques nas ruas e a matar civis em uma repressão generalizada", conta Daniel Valença

O professor do curso de direito da Universidade Federal Rural do Semi-árido (Ufersa), Daniel Valença, fez um resumo dos acontecimentos na Bolívia, da reeleição de Evo Morales nas eleições de 20 de outubro até o golpe de Estado, consumado no último domingo (13/11), que derrubou o presidente.

"Para quem tiver dúvidas se é um golpe de Estado ou não, é só ver que, logo após o golpe de Estado, pela primeira vez, as Forças Armadas, depois de 14 anos, voltaram a colocar tanques nas ruas e a matar civis em uma repressão generalizada", conta Valença.

Assista:


ABI
Evo Morales sofreu golpe de Estado e foi forçado a renunciar à Presidência da Bolívia

Comentários

Leia Também