CONHEÇA 5 FILMES DO CINEASTA SOVIÉTICO SERGEI EISENSTEIN 

Sergei Eisenstein (1898-1948) é uma das principais referências do cinema soviético. Começou a carreira no teatro e pouco tempo depois, aos 26 anos, produziu seu primeiro filme, “A Greve” (1925). 

Suas contribuições para o gênero vão além de obras cinematográficas, tendo produzido escritos sobre o novo cinema que se consolidava com a Revolução Russa. 

O chamado cinema soviético se desenrolou junto com o processo revolucionário na Rússia, ao qual Eisenstein se engajou com a eclosão da guerra civil, ainda em 1917.

As contribuições soviéticas ao cinema são inúmeras, não só no conteúdo, mas também na forma, com suas técnicas de montagem. Veja a seguir 5 filmes de Eisenstein.

A GREVE (1925)

O filme retrata uma greve de trabalhadores que foi reprimida na Rússia pré-revolução, em 1903. O diretor usou imagens de animais como metáfora à condição dos operários. 

Opera Mundi

Faça uma assinatura solidária de

ASSINE AQUI

ENCOURAÇADO POTEMKIN (1925)

Retrata um protesto de marinheiros na Rússia czarista em 1905. Maltratados, desencadeiam uma revolta em alto mar, e tentam levá-la até sua cidade natal, Odessa. 

OUTUBRO (1927)

Dirigido junto com Grigori Aleksandrov, retrata o processo da Revolução Socialista de 1917, desde o governo Kerensky até a tomada de poder pelos bolcheviques. 

ALEXANDER NEVSKY (1938)

Filme épico que retrata a batalha do lago Peipus, liderada pelo duque Nevsky em 1242, na então República da Novogárdia, contra a invasão de uma ordem militar cruzada da Igreja.

IVAN, O TERRÍVEL (1944 e 1958)

Épico lançado em 2 partes retrata a história de Ivan IV da Rússia, Grão-Príncipe de Moscou de 1533 até a fundação do Czarado em 1547.

A obra de Eisenstein merece ser vista e revisitada com frequência. Junte seus camaradas e aprecie! 

Texto:
Camila Araújo

Desenvolvimento:
Rafael Targino

Imagens:
Divulgação
Wikimedia Commons

Visite Opera Mundi