Familiares de Norambuena protestam contra decisão da corte de apelações chilena

Ativista chileno está preso há 15 anos em Mossoró (RN) por participar do sequestro do publicitário Washington Olivetto

Esteja sempre bem informado
Receba todos os dias as principais notícias de Opera Mundi

Receba informações de Opera Mundi

O tribunal de apelações do Chile negou a redução de pena de Maurício Norambuena, ex-membro da Frente Patriótica Manuel Rodrúguez e comandante do sequestro do publicitário Washington Olivetto em 2001. Com esta decisão da corte chilena o retorno de Norambuena ao Chile fica comprometido. Familiares e amigos do ativista realizaram nesta sexta (25/08) manifestação na frente do tribunal de justiça de Santiago denunciando a decisão que, em tese, impossibilita a extradição de Norambuena para o Chile.


Clique e faça agora uma assinatura solidária de Opera Mundi

A irmã do prisioneiro, Laura Hernández, explicou que "alguns dias atrás, o Tribunal de Apelações de Santiago decidiu contra o pedido de extradição de Maurício para o Chile. Isso só faz prolongar o sofrimento de mais de 15 anos em uma prisão desumana no Brasil sob o chamado Regime Disciplinar Diferencial, o mais cruel que existe lá".

O juiz Mario Carroza havia decidido em primeira instância favoravelmente a Maurício Norambuena, diminuindo para 15 anos e um dia suas duas penas de prisão perpétua, a medida legal necessária para que ele pudesse ser devolvido ao Chile.

 

 

Preso desde 2002 pelo sequestro de Olivetto, Norambuena denuncia à CIDH regime 'inumano, cruel e degradante'

Relembre como foi o sequestro do publicitário Washington Olivetto

O que aconteceu com os outros sequestradores estrangeiros de Washington Olivetto?

 

Resumen


Familiares e amigos de Norambuena protestanto na frente do tribunal de apelações chileno


"Na verdade, o governo chileno através do Ministério do Interior, o Conselho de Defesa do Estado e setores da direita pinochetista fizeram arranjos para que a decisão do juiz Carroza fosse revertida pelo Tribunal de Apelações", afirma Hernández.

Os familiares de Norambuena solicitaram uma reunião oficial como presidente e ministro da Suprema Corte chilena, Hugo Dolmestch, para saber quais caminhos jurídicos ainda existem para que consigam uma eventual volta do ativista ao país.

Outras Notícias

X

Assine e receba as últimas notícias

Receba informações de Opera Mundi

Destaques

Publicidade

Faça uma pós agora!

Faça uma pós agora!

A leitura literária é um fator importante na construção de relações humanas mais justas. Do mesmo modo, a formação de leitores críticos é imprescindível para a constituição de uma sociedade democrática.

Por isso, torna-se cada vez mais urgente a abertura de novos e arejados espaços de interlocução qualificada entre os sujeitos que atuam nesse processo, em diversos contextos sociais.

A proposta do curso é proporcionar, por meio de discussões abrangentes e aprofundadas sobre a formação do leitor literário, uma reflexão ancorada principalmente em três áreas do conhecimento: a teoria literária, a mediação da leitura e a crítica especializada.

Leia Mais

A revista virtual
desnorteada

O melhor da imprensa independente

Mais Lidas

Últimas notícias